Foto: Alan Santos/PR
Destaques News

Um mês após a eleição, Bolsonaro reconhece vitória de Biden

Mais de um mês após o resultado das eleições americanas, o presidente Jair Bolsonaro reconhece a vitória de Joe Biden, através de mensagem enviada ao democrata.

O comunicado oficial de Bolsonaro acontece um dia após a votação do Colégio Eleitoral, que confirmou a vitória de Biden como presidente eleito, e cinco semanas após o encerramento das eleições e divulgação do resultado pela imprensa dos Estados Unidos.

O Ministério das Relações Exteriores divulgou uma nota hoje, 15 de dezembro, informando que o presidente Jair Bolsonaro enviou a seguinte mensagem ao presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden:

Saudações ao Presidente Joe Biden, com meus melhores votos e a esperança de que os EUA sigam sendo ‘a terra dos livres e o lar dos corajosos’ (citando um trecho do hino norte-americano “the land of the free and the home of the brave”). Estarei pronto a trabalhar com V. Exa. e dar continuidade à construção de uma aliança Brasil-EUA, na defesa da soberania, da democracia e da liberdade em todo o mundo, assim como na integração econômico-comercial em benefício dos nossos povos”.

Ainda na manhã desta terça-feira, 15 de dezembro, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, felicitou Biden por sua vitória. Até o momento, somente o líder autoritarista da Coreia do Norte, o ditador Kim Jong-un, e Bolsonaro permaneciam em silêncio quanto ao resultado das eleições.

Por semanas, o presidente Jair Bolsonaro, apoiador de Donald Trump, sustentou o discurso de que as eleições americanas foram “roubadas”. Embora não apresentasse evidências para legitimar a suposta fraude, o argumento do presidente foi repetido por seus apoiadores.

You cannot copy content of this page