Programe-se

Vida de escoteiro

Contabilidade
Sending
User Review
0 (0 votes)

Em celebração ao Dia Mundial do Escotismo, o ‘Como Será?’ presta uma homenagem aos adeptos do movimento.
O último episódio de ‘Amor Animal’ mostra a dança do acasalamento dos flamingos
“Sempre alerta!”. O lema conhecido por todo o mundo, em diferentes idiomas, indica: tem escoteiro por perto. Treinados para desenvolver uma relação próxima com a Natureza, exercer o voluntariado e colocar em prática valores presentes na vida em sociedade, os escoteiros comemoram o Dia Mundial do Escotismo em 23 de abril. O ‘Como Será?’ lembra a importância do movimento, que surgiu na Inglaterra em 1907, e presta uma homenagem com o quadro ‘Hoje é dia de… acampar’. Durante um fim de semana, Alexandre Henderson faz uma verdadeira imersão neste universo. Três irmãos escoteiros serão os ‘tutores’ do apresentador e a primeira lição é ensinada ainda na casa dos garotos: como arrumar corretamente uma mochila para o acampamento. Chegando lá, o segundo desafio é como escolher o melhor local para montar a barraca interferindo minimamente no meio ambiente. Na hora da refeição, Alexandre aprende a acender o fogo de forma criativa (nada de fósforos!) e a ter cuidado com a limpeza ao preparar os alimentos. Por fim, depois de uma noite no acampamento, o apresentador aprende a construir uma jangada com tambores de água e sisal.
Na Bahia, a repórter Júlia Bandeira acompanha pesquisadores da Universidade Federal da Bahia (UFBA) que estudam e preservam naufrágios na região da Baía de Todos os Santos. A reportagem mostra um dos mergulhos realizados pelo grupo, que avalia três aspectos dos navios naufragados: a importância científica das embarcações, o potencial de visitação e os riscos e vulnerabilidades dos objetos achados. Maior baía do Brasil, a Baía de Todos os Santos é um local privilegiado de mergulho por dois motivos: seu fator histórico e porque muitos navios afundaram perto da costa – há embarcações a apenas quatro metros de profundidade. A repórter também visita o Museu Náutico da Bahia, para onde são levados os objetos históricos encontrados. O comandante Reuben Bello Costa, responsável pelo museu, explica a importância de resgatar essa história e preservar a arqueologia subaquática da região.
No segundo episódio do quadro ‘Posso Ajudar?’, o público conhece a história de Cleide Generoso. Ela tem carteira de motorista há 13 anos, mas convive com um medo de dirigir que a imobiliza até para tirar o carro da garagem. O trauma surgiu depois que ela, grávida, presenciou o marido atropelando uma pessoa. Para ajudá-la a enfrentar o medo, a psicóloga Ester Torres Nascimento a acompanha num carro especial de autoescola e explica que o enfrentamento da fobia é importante. No estúdio, Sandra Annenberg recebe Cleide para que ela revele o desfecho da sua história.
Os rituais de acasalamento em diferentes espécies são o tema do último episódio da série ‘Amor Animal’. Você sabia que, apesar da aparência bruta, os jacarés atraem suas fêmeas cantando? E que os flamingos fazem o mesmo dançando? Quem apresenta as histórias de conquista é o ator Hélio de la Peña.

Sobre o ‘Como Será?’
‘Como Será?’, parceria do Jornalismo e da área de Responsabilidade Social da Globo com a Fundação Roberto Marinho, tem como objetivo compartilhar com o público experiências transformadoras, exemplos de cidadania e colaborar para a construção de um futuro melhor ao tratar de maneira integrada temas como educação, ecologia, mobilização social, trabalho e inovação. É um espaço para apresentar, conhecer e incluir pessoas e ideias, que conta com a interatividade como grande aliada.
O ‘Como Será?’ vai ao ar no canal internacional da Globo neste sábado,
dia
23, nas Américas, domingo, dia 24, no Japão e Austrália, e sábado, dia 30, na Europa e África.

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: seg, 27 maio.

Advertisement

Advertisement

Categorias

plugins premium WordPress

You cannot copy content of this page