Aldrey Torres é mãe de quatro filhos. Uma doce e desafiadora realidade para essa paulistana que veio morar em Miami com o marido Marcelo Torres em 2008 para ter e criar os filhos em um lugar mais seguro.
Entrevistas

Mães realizadas: ‘Aprendi a sentir o amor verdadeiro’

.                                                                                                                                                                                                                                                   Aldrey Torres é mãe de quatro filhos. Uma doce e desafiadora realidade para essa paulistana que veio morar em Miami com o marido Marcelo Torres em 2008 para ter e criar os filhos em um lugar mais seguro.

A primeira filha Kristy, chegou em 2010 e no ano seguinte eles já planejavam ter um menino. O Julian veio em 2011 trazendo de “brinde” (como ela mesmo diz) mais duas meninas iguaizinhas, Tiffany e Steffany. A chegada dos trigêmeos mudou a vida e a rotina de toda a família (que de três pessoas passou a ter seis, em apenas um ano).

Hoje, Aldrey se divide com o marido entre a administração de duas empresas (uma de transfers e tours e  outra de vendas de ingressos para shows) e a criação dos quatro filhos pequenos e acredita que mesmo com todo os desafios diários de ser mãe de quatro pequenos, essa “foi a melhor coisa que aconteceu na sua vida”.

Como é o seu dia-a-dia com as crianças?

Aldrey Torres: Acordamos cedo e levamos os quatro para a escola. O carro tem 4 cadeirinhas e eles brigam toda manhã porque os 4 querem sentar no mesmo lugar. E toda manhã tem confusão. De lá, vamos trabalhar. Durante a semana tenho uma ajudante até às 8 da noite. No “segundo turno” e em finais de semana, temos uma força dos meus pais que moram no mesmo prédio.

A logística é complicada, qualquer coisa que vamos fazer é difícil porque eles são muito pequenos, mas temos muita paciência. Nunca gritamos e sempre tentamos conversar.

O que você considera mais difícil na educação dos seus filhos?

Impor respeito acho que é o mais difícil. Como explicar as coisas e que eles entendam e não fiquem chateados.

Os seus filhos falam português?

Eles falam superbem português, não misturam nem uma palavra. Isso acontece porque simplesmente decidimos não usar o inglês em casa. Também  compramos todos os filmes no Brasil, e eles assistem todos os dias a algo dublado. Além de estudarem espanhol, na escola bilíngue.

No que a maternidade mudou a sua vida?

A maternidade me ensinou a sentir o amor verdadeiro, o amor de Deus, o amor incondicional. Aprendi a sentir algo que nem cabe no meu peito. Aprendi a ter paciência. Sou muito mais organizada, sou uma pessoa menos egoísta, sou uma pessoa muito melhor!

O que há de melhor para a educação dos seus filhos nos EUA e do que você não gosta por aqui?

O dinheiro que pagamos em impostos é repassado, e as escolas públicas são muito boas. Gosto do sistema de saúde e da preocupação que o país tem em cuidar dos seus filhos e da segurança. Não gosto da frieza com que as coisas são tratadas por aqui, do pouco acesso dos pais às escolas e do perigo de envolvimento com drogas.

Esta matéria foi originalmente publicada em abril de 2015

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: dom, 26 maio.

Advertisement

Advertisement

Categorias

plugins premium WordPress

You cannot copy content of this page