RP

Baquetas Vic Firth: tudo o que você precisa saber sobre este acessório

Sending
User Review
0 (0 votes)

Por Julia Rosa

Fotos: pexels.com

O que seria de uma bateria sem uma baqueta? Como você chegaria ao apogeu do som proporcionado pelos instrumentos de percussão sem este acessório que você pode considerar tão simples? Então, criamos este texto para você saber de tudo sobre as baquetas Vic Firth, uma das líderes no mercado dentro do setor. 

Existem algumas características que precisam ser levadas em consideração quando estamos falando sobre baquetas. Afinal de contas, você encontra diversos modelos deste acessório no mercado: desde as mais simples, como as de madeira, até as mais diferentonas, como as baquetas martelo e a baqueta vassourinha

Por ter muito conteúdo para ser discutido, aqui vamos abordar, principalmente, as baquetas Vic Firth de madeira, que são as mais conhecidas e adquiridas pelo público em geral! Vamos nessa? Faça uma boa leitura e não fique com achismos: escolha o acessório certo para você! 

O corpo da baqueta de bateria

Você sabia que o corpo de uma baqueta é dividido em três partes? Cada uma delas é muito importante para o bom desempenho do acessório durante uma música. 

A baqueta é dividida em:

  • ponta, que definirá o tipo de som produzido pelo seu instrumento. Ela pode ser oval, que proporcionará um som mais amplo, triangular, com uma harmonia mais firme ou, quem sabe, redonda, para músicas que pedem um acompanhamento mais preciso;
  • pescoço, que pode influenciar na distribuição do peso da baqueta, facilitando a hora de manusear o acessório;
  • corpo, que é o resto da varinha, sendo a sua maior parte. Existem bateristas que preferem tocar com uma baqueta com diâmetro maior e outros não. Isso varia muito com o gosto do músico!

A ou B? 5 ou 7?

Ficou em dúvida com esses números e letras jogados no começo deste parágrafo? Calma, porque a gente vai explicar! Não foi erro de digitação: as baquetas possuem algumas variações de tamanho e de grossura. 

Segue o raciocínio:

  • 2B. A baqueta Vic Firth 2B é a que possui maior comprimento e largura;
  • 5A. A baqueta 5A é pesada, tendo um pouco menos em comprimento do que a anterior, mas quase o mesmo peso;
  • 5B. A baqueta Vic Firth 5B já é mais fina, mas possuindo o mesmo comprimento da 5A;
  • 7A. Por último, mas não menos importante, a baqueta 7A é a mais fininha, chegando a se tornar bem leve.

O que mais prestar atenção?

A última dica presente neste texto será sobre um material que fará toda a diferença na hora de tocar o seu instrumento: a madeira da baqueta. 

Sim, afinal de contas, não é apenas o tamanho e o diâmetro que influenciam no seu som. Aqui estão algumas opções que você pode encontrar no mercado:

  • noz, proveniente da nogueira branca, pode ser uma ótima opção de baqueta, já que junta a versatilidade com preços mais acessíveis;
  • carvalho, sendo uma das madeiras mais resistentes, mas o que pode dificultar na hora de tocar;
  • e bordo, também conhecido como maple, que é mais leve e produz sons mais suaves e baixos.

O que você achou dessas dicas? Conseguimos clarear um pouquinho a sua mente em relação às baquetas de madeira? Então, compartilhe este texto com pessoas do seu convívio e que curtem bateria assim como você!

Baquetas Vic Firth 880

baquetas 18,1k

baquetas de bateria 1,6k

baqueta 5A 880

baqueta vic firth 5b 210

baqueta vassourinha 590

Comente

Clique aqui para comentar

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

CurrencyRate

Advertisement

You cannot copy content of this page

X
X