Economia

Quebra dos bancos SVB e Signature Bank preocupa mercado imobiliário dos EUA

Sending
User Review
0 (0 votes)

De acordo com Daniel Toledo, advogado e especialista em Direito Internacional, a atual crise dos bancos americanos não deve afetar economia como em 2008

Nas últimas semanas, o mercado financeiro dos Estados Unidos tornou-se foco das principais discussões ao redor do mundo, principalmente após a recente falência de bancos conhecidos no país norte americano.

No dia 10 de março, o Silicon Valley Bank – SVB, teve sua falência decretada após mostrar incapacidade de devolver o dinheiro depositado pelos clientes. No dia 12 do mesmo mês, o Signature Bank, que estava prestes a entrar em colapso, foi tomado por controladores e teve a falência decretada.

O Silicon Valley Bank era o 16º maior banco dos Estados Unidos, comumente contratado por empresas de tecnologia e startups do Vale do Silício. O Signature Bank, por sua vez, atuava no mercado de criptomoedas.

O cenário causou grande preocupação em relação ao mercado imobiliário. No entanto, de acordo com Daniel Toledo, advogado que atua na área do Direito Internacional, fundador da Toledo e Associados e sócio do LeeToledo PLLC, escritório de advocacia internacional com unidades no Brasil e nos Estados Unidos, a atual crise dos bancos americanos não terá o mesmo impacto de outras crises já vividas pelo país. “Essas instituições chegaram a esse ponto porque muitas pessoas deixam de pagar suas hipotecas, e isso afeta diretamente a saúde financeira dessas empresas. Ainda assim, não veremos um cenário parecido com o enfrentado em 2008, por exemplo”, relata.

O advogado acredita que, atualmente, a economia dos Estados Unidos é mais bem protegida contra esse tipo de eventualidade. “Em 2008, existia uma legislação completamente diferente, onde os bancos não exigiam tantas garantias e proteções contra esse tipo de situação. Hoje, a falência dessas instituições apresenta um impacto muito pequeno na economia em geral”, pontua.

Embora não apresente grandes consequências, esse tipo de incerteza pode ser vantajoso para aqueles que compram e alugam imóveis nos EUA. “Os valores de mercados emergentes, como Texas, Alabama e Flórida, estão se ajustando e diminuindo. Essa queda pode variar de 0,5% até 5% em alguns casos, o que mostra um reequilíbrio econômico no setor imobiliário”, declara Toledo.

Diferentemente do que acontece no Brasil, os Estados Unidos possuem uma enorme quantidade de bancos, o que torna o mercado como um todo mais competitivo e volátil. “Existem centenas de bancos pequenos e médios nos EUA. Algumas instituições são passadas de geração para geração e, nos dias de hoje, enfrentam dificuldades por não conseguir operar da mesma forma que os já consagrados no país. Isso, com o tempo, faz com que essas instituições entrem em falência ou, eventualmente, sejam compradas por bancos maiores”, relata.

Para Toledo, o pós-pandemia está afetando fortemente algumas empresas. “Muitos tiveram que realizar empréstimos durante o período de alta da COVID e, atualmente, não conseguem cumprir suas obrigações financeiras. Esse cenário, infelizmente, será comum não só no Brasil ou nos Estados Unidos, mas em diversos países ao redor do mundo”, finaliza.

Sobre Daniel Toledo

Daniel Toledo é advogado da Toledo e Advogados Associados especializado em Direito Internacional, consultor de negócios internacionais, palestrante e sócio da LeeToledo PLLC. Para mais informações, acesse: http://www.toledoeassociados.com.br. Toledo também possui um canal no YouTube com mais 176 mil seguidores https://www.youtube.com/danieltoledoeassociados com dicas para quem deseja morar, trabalhar ou empreender internacionalmente. Ele também é membro efetivo da Comissão de Relações Internacionais da OAB Santos, professor honorário da Universidade Oxford – Reino Unido,  consultor em protocolos diplomáticos do Instituto Americano de Diplomacia e Direitos Humanos USIDHR e professor da PUC Minas Gerais do primeiro curso de pós graduação em Direito Internacional,  com foco em Imigração para os Estados Unidos

Sobre o escritório

O escritório Toledo e Advogados Associados é especializado em direito internacional, imigração, investimentos e negócios internacionais. Atua há quase 20 anos com foco na orientação de indivíduos e empresas em seus processos. Cada caso é analisado em detalhes, e elaborado de forma eficaz, através de um time de profissionais especializados. Para melhor atender aos clientes, a empresa disponibiliza unidades em São Paulo, Santos e Houston. A equipe é composta por advogados, parceiros internacionais, economistas e contadores no Brasil, Estados Unidos e Portugal que ajudam a alcançar o objetivo dos clientes atendidos. Para mais informações, acesse: http://www.toledoeassociados.com.br ou entre em contato por e-mail contato@toledoeassociados.com.br.

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: sex, 12 abr.

Advertisement

Advertisement

Categorias

plugins premium WordPress

You cannot copy content of this page