Business

O combustível para enfrentar a crise é investir em marketing digital

Sending
User Review
5 (1 vote)

Hoje, toda empresa precisa entender que é quase impossível não considerar um plano de marketing digital indiferente do tipo de negócio

Construir uma história de sucesso é uma tarefa que exige dedicação e, por vezes, superação de muitos desafios, especialmente para empreendedores de pequeno porte. Apesar das muitas dificuldades enfrentadas, hoje, as PMEs (pequenas e médias empresas) também podem se valer de soluções que, até pouco tempo, só faziam parte da rotina das grandes empresas.

De acordo com o relatório da Global Entrepreneurship Monitor 2020 – pesquisa desenvolvida pelo Sebrae em parceria com o Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBPQ), o Brasil perdeu quase 10 milhões de empreendedores, desabando de 22,3 milhões em 2019 para 12 milhões em 2020, uma queda brusca de quase 50%.

Diante deste cenário nebuloso, é certo que a pandemia do novo coronavírus tem sido uma das principais causas de mortalidade dessas empresas, contudo, outros fatores contribuem para o encerramento desses negócios.

Embora fatores como falta de análise de mercado, má gestão financeira, falta de planejamento estratégico, falta de capacitação, entre outros, sejam determinantes para o fechamento de empresas, a falta de um plano de marketing contribui muito para o encerramento das atividades, principalmente no momento atual.

Antes da pandemia já existia uma movimentação por parte das empresas em busca da transformação digital. Porém, com a pandemia, este processo foi acelerado e a transformação digital tem sido inevitável, assim como o investimento em ferramentas que proporcionem uma maior visibilidade ao negócio. Neste sentido, se uma empresa ou pequeno empreendedor não aposta no digital, dificilmente conseguirá bons resultados.

O combustível é investir em marketing digital

Dados recentes da Neotrust mostram que o e-commerce brasileiro registrou mais de 300 milhões de pedidos e faturou mais de R$ 126 bilhões só em 2020. Além disso, outro levantamento feito pela Social Miner | All iN, Opinion Box e Etus, aponta que 74% dos consumidores já utilizam as redes sociais para fazer compras, ou seja, o ambiente digital está em alta e em expansão, e a tendência é que isso permaneça no pós-pandemia.

Hoje em dia, toda empresa precisa entender que, em um ambiente cada vez mais digitalizado, conectado, é quase impossível não considerar um plano de marketing digital para qualquer tipo de negócio. Conforme mostram as pesquisas, com o passar do tempo, os hábitos de consumo mudam e se transformam. Os espaços físicos e virtuais se entrecruzam, assim como ocorre com o marketing tradicional e o digital.

Não importa se o negócio é de pequeno, médio ou grande porte. Para sobreviver em um ambiente altamente competitivo e desafiador é imprescindível elaborar estratégias eficientes, de forma a otimizar recursos, alocar investimentos e conseguir resultados realmente eficazes. 

De nada vale desempenhar ações sem estimativas, investir tempo e dinheiro, sem saber se o tipo de ação definida é o ideal e qual a melhor forma de implementação. Ou seja, o plano de marketing digital deve nortear todas as estratégias ao longo do ano, de forma a auxiliar no alcance dos objetivos empresariais e de marketing.

Benefícios de investir em marketing digital em meio à crise

1) Fortalece sua marca no mercado

Não tenha medo de investir em seu negócio por conta da crise. Busque investir nessa área mesmo em tempos difíceis como o que estamos enfrentando, pois essa é uma forma de não cair em um buraco escuro, e fazer com que a seu negócio continue forte e sempre presente na mente do consumidor.

2) Gerar leads qualificados

Ao investir em ações de marketing digital, as chances do seu empreendimento obter leads (potenciais consumidores) qualificados são muito maiores. O que isso quer dizer? Simples! Mesmo que os clientes não venham a comprar seu produto neste momento, eles podem assinar a sua newsletter ou seguir sua página na rede social, por exemplo, para receber informações e ofertas até melhorar o seu poder aquisitivo e, efetivamente, comprar. 

Certamente, ao fim desse período de recessão, você terá clientes fidelizados, que seguramente vão optar pelo seu negócio.

3) Resultados a curto, médio e longo prazo

Ao investir em estratégias de marketing durante a crise, você prepara o terreno para quando ela passar, fazendo com que o seu negócio saia na frente dos concorrentes durante a retomada do mercado. Além de trazer resultados no curto prazo, como o fortalecimento da marca na mente dos consumidores, investir em marketing durante períodos conturbados contribuirá para manter o seu negócio bastante competitivo após a crise. 

Foto: Fancy Crave / Pixabay

You cannot copy content of this page
X
X