Business

Camila Rebello, dona da rede AeroJuice, fala dos desafios de transformar seu negócio em franquia nos EUA

Sending
User Review
0 (0 votes)

Por Connie Rocha

A empresária do mês de setembro, Camila Rebello, é cofundadora, ao lado do marido, Luis Cláudio Rebello, da rede de franquias AeroJuice, com sede no sul da Flórida. Além do talento empresarial, ela descobriu que poderia também ensinar novos empreendedores e, há cerca de um ano, sentiu o desejo de passar a sua experiência e conhecimento em gestão e business a outras pessoas, formando-se em Business Coach e Analista de Perfil Comportamental. Ela conta um pouco das vantagens e desafios de investir em uma franquia nos EUA e da importância do trabalho de coach para muitos novos empreendedores. Confira.

Como aconteceu a criação e implementação da marca AeroJuice e a transformação em uma franquia nos EUA?
Com a junção dos conhecimentos de mercado e experiências minhas e de meu esposo e sócio Luis Cláudio Rebello, iniciamos os estudos do projeto AeroJuice. Eu com uma vasta experiência de mais de dez anos no mercado de restaurantes como gestora e recursos humanos e dez anos no mercado de leis e contratos e, ele, Luis Cláudio, com mais de 20 anos no mercado de açaí, alimentação saudável e consultoria de lanchonetes. O nosso primeiro desafio foi criar um formato de loja que pudesse ser multiplicado como franquia e entender como o consumidor americano vê o açaí. Desde o início do projeto tínhamos como objetivo franquear nosso modelo de negócio.

Quais os primeiros passos para um empresário transformar a sua empresa em uma franquia?
Na minha opinião o processo de formatação de uma franquia é extenso e deve ser revestido de todo cuidado possível para que esse novo desafio se concretize. Os primeiros passos seriam uma análise do negócio para entender se o seu conceito é franqueável. Fazer um planejamento com a elaboração do plano de expansão da rede, sistematização dos processos para os franqueados, elaboração dos manuais e contratos de franquia, seleção dos franqueados, venda da franquia, treinamento, assessoria de todo o processo, inauguração e muito sucesso. Além de muita pesquisa, o novo empreendedor deve buscar suporte junto a uma empresa especializada em consultoria e voltada a franquias.

Qual o investimento inicial para transformar uma empresa em rede de franquias, como a sua? E que dicas você daria para quem quer investir em uma franquia?
Um projeto completo respeitando as leis e licenças americanas fica em torno de US$ 100 mil.
Para ter uma rede de franquias, é preciso pesquisar muito, ter experiência no mercado americano e dispor de capital suficiente para executar o projeto de acordo com as leis e exigências americanas.

Como proprietária de uma rede de franquias na Flórida, quais as suas perspectivas diante do cenário econômico atual do país?
Perspectiva de crescimento principalmente no estado da Flórida. Como proprietária de uma rede de franquias e Coach, meu foco está no resultado, vejo sempre oportunidade em tudo, diariamente busco novas formas de gerir o meu próprio negócio de forma diferenciada dos meus concorrentes. Vejo que preciso ser mais assertiva, mais rápida, e com mais qualidade, e isso você só consegue investindo em conhecimento. Na nossa empresa investimos não somente em conhecimentos de marketing, técnico, mas também em cursos de gestão e inteligência emocional para enfrentar os desafios que aparecem com tranquilidade em qualquer situação.

Quais as vantagens e desvantagens em ter uma rede de franquias aqui nos EUA?
As vantagens, sem dúvida, são a expansão da marca e estar em um país onde as leis de franquia são respeitadas, diminuindo assim o risco, tanto para o franqueador, quanto para o franqueado. Começar um negócio do zero é muito mais difícil do que partir de um patamar preexistente, onde a experiência acumulada anteriormente pelo franqueador cria uma base que reduz sensivelmente a curva de aprendizado de qualquer negócio. As desvantagens seriam, por exemplo, o grande esforço por parte do franqueador em manter a qualidade e o padrão em todas as unidades, assim como a implementação de uma nova estrutura administrativa, na qual precisamos colocar tempo e dedicação constantes. Alta responsabilidade do franqueador perante as leis americanas de franquia.

Muitos empresários brasileiros acompanham a Acontece Magazine e se espelham em exemplos de outros empresários de sucesso, como você. O que você diria para esses empreendedores?
Eu amo ser uma mulher empreendedora. E só um caminho seria capaz de me ensinar como ser uma profissional melhor, todos os dias: a PERÍCIA. Diariamente, eu dedico parte do meu dia a leituras que me conectam com o crescimento pessoal e profissional. São cursos, treinamentos, conexões estratégicas que me capacitam, todos os dias, a não ser só mais uma empresária no mercado de trabalho. Meu conselho a esses empresários seria inicialmente estudar muito, investir numa boa consultoria feita por uma empresa especializada para o seu segmento de mercado, ou contratar um mentor que já percorreu esse caminho e que obteve sucesso.

Informações: aerojuice.net
Foto: Bill Paparazzi

 

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: sex, 12 abr.

Advertisement

Advertisement

Categorias

plugins premium WordPress

You cannot copy content of this page