Música

Simone e Ney Matogrosso se juntam pela primeira vez em single

Sending
User Review
0 (0 votes)

Amigos desde os anos 1970, os dois artistas completam cinco décadas de carreira em 2023 e fazem dueto em “Por que Você Não Vem Morar Comigo?”, de Chico César

Parece incrível, mas Simone e Ney Matogrosso jamais haviam se encontrado em uma gravação de estúdio. Até agora. Pois os dois artistas, que surgiram no mercado fonográfico no mesmo ano de 1973, completam cinco décadas de carreira juntos em “Por que Você Não Vem Morar Comigo?”, single que chega às plataformas de música em 15 de dezembro via Biscoito Fino. A composição de Chico César foi lançada originalmente pelo autor em 2005, no álbum “De Uns Tempos pra Cá”.

Ouça aqui: https://orcd.co/porquevocenaovemmorarcomigo

Assista: https://www.youtube.com/watch?v=wsELx2uNSmA

A nova gravação foi produzida pela dupla Marcus Preto e Pupillo, com direção artística de Preto e direção musical de Pupillo. No instrumental, a faixa conta com parte do Jardim da Infância, banda que vem acompanhando Simone na turnê “Tô Voltando” – a mesma que comemora os 50 anos de carreira da cantora. Estão presentes Filipe Coimbra na guitarra, Chico Lira nos teclados e Fábio Sá no baixo. Pupillo toca a bateria.

Eu adoro o Ney: o artista, a pessoa, o amigo”, rebate Simone. “Quis gravar a música assim que Pretinho me mostrou e logo pensamos em convidar o Ney. O mais curioso é que, quando enviamos nossa gravação já pronta para o Chico César, ele comentou que, por termos feito em dueto, ela deixou ainda mais claros alguns aspectos da letra. Está ali a beleza que há no amor entre amigos, onde esse amor para, onde ele continua, todas essas nuances. Uma beleza!

Cantar com Simone é um prazer. Cantar essa canção do Chico César também é um prazer. Cantar com Marcus Preto e Pupillo produzindo, também. Então, são só prazeres”, diz Ney Matogrosso“Essa é uma canção que eu só cantaria com Simone, dirigindo cada verso e cada palavra para ela. Somos amigos desde os anos 1970, fizemos tantas coisas juntos, mas demoramos para gravar uma canção em dueto. Chegou a hora.

“Por que Você Não Vem Morar Comigo?” já estava no radar de Simone desde os ensaios de “Tô Voltando”, no começo deste ano, quando foi apresentada à cantora por Marcus Preto, diretor do show. Cogitaram incluí-la no roteiro do espetáculo, mas depois optaram por guardar a música para um momento especial. E esse instante surge agora, na gravação em companhia do grande amigo. Ney, que ainda não conhecia a canção de Chico César (leia letra abaixo), topou a dobradinha com Simone assim que recebeu o convite. A base foi gravada por Thiago “Big” Rabello no dia 3 de novembro, no estúdio Da Pá Virada, em São Paulo. E as vozes, por Lucas Ariel, em 30 de novembro, no estúdio Biscoito Fino, no Rio. A mixagem é de Guigo Berger e a masterização, de Alexandre Rabaço.

Uma curiosidade: apesar de nunca terem gravado nada juntos até agora, Ney Matogrosso e Simone são amigos muito próximos desde os anos 1970. Fizeram duetos na televisão, cantando “Imagine” (John Lennon) e “Último Desejo” (Noel Rosa) e “Ronda” (Paulo Vanzolini). Seu Pereira, como Simone chama o cantor na intimidade, também já dirigiu a Cigarra nos palcos.

POR QUE VOCÊ NÃO VEM MORAR COMIGO?

(Chico César)

Por que você não vem morar comigo

Alimentar meu cão, meu ego

Cansei de ser assim, colega

Não sei mais ser só seu amigo

Eu quero agora ser o seu amado

Você me deixa a perigo

O amor me corta feito adaga

Mas vem você e afaga

Com afeto tão antigo

Você não leva a sério o que eu digo

E enche a taça que me embriaga

Me prega em cruz feito Jesus de Praga

Mas sempre me defende e compra minhas brigas

Não ligo

Se é amor ou amizade vaga

Dizem que o amor a amizade estraga

E esta a este tira-lhe o vigor

Não ligo

Se é caretice ou romantismo brega

Um dia em mim essa aflição sossega

More comigo e traga o seu amor

Adoro o jeito que você me pega

Me chama de meu nego, minha nega

E quando me abraça e eu me entrego

Vem você e diz cuidado com esse apego

Amigos falam que esse mico eu pago

Pois mudo logo quando você chega

E acende a luz, mas essa luz me cega

E abre em rosa a pedra que no peito eu trago

Não ligo

Se é amor ou amizade vaga

Dizem que o amor a amizade estraga

E esta a este tira-lhe o vigor

Não ligo

Se é caretice ou romantismo brega

Um dia em mim essa aflição sossega

More comigo e traga o seu amor

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: qua, 21 fev.

Advertisement

Advertisement

Categorias

You cannot copy content of this page