Vida e Saúde

7 hábitos que nos prejudicam na hora de arrumar a casa

Contabilidade
Sending
User Review
0 (0 votes)

Nalini Grinkraut, personal organizer certificada pela ‘guru’ Marie Kondo, ensina como não cair nessas armadilhas

Muitas são as armadilhas que se colocam entre nós e nossas obrigações com a casa. Mesmo conhecendo a maioria, acabamos por cair invariavelmente nessas “cascas de banana” e deixamos os cuidados com o lar em segundo plano. Organizar a casa é uma tarefa muito maior do que tirar as coisas do meio do caminho: ela gera bem-estar e harmonia que contagia os moradores e visitantes do local e traz a sensação de acolhimento e aconchego que adoramos ver e sentir quando chegamos em algum lugar envolto por essa atmosfera.

Por sorte, existem profissionais que cuidam dessas questões para nós. Uma delas, conhecida como a “Marie Kondo brasileira”, é a personal organizer especialista em organização e desapego Nalini Grinkraut. Ela listou as 7 armadilhas mais traiçoeiras que nos incomodam na hora de organizar e cuidar da nossa casa. Veja em quanta(s) você já esbarrou e entenda como driblar cada uma delas:

  1. Não devolver os itens para o lugar após o uso

Uma casa em que moram pessoas naturalmente tem coisas fora do lugar. Sempre que você realiza uma atividade dentro de casa, seja ela cozinhar, escovar os dentes, comer ou dormir, alguns itens sairão do lugar e para que tudo se mantenha organizado é essencial que você sempre se lembre de devolver o que foi utilizado para o local onde ele deve ser guardado.

  1. Colocar mais itens que um espaço suporta.

Quem nunca tentou otimizar um espaço que cabiam 4 pares de calçados e apertou até conseguir colocar 10 pares? O limite de espaço que você tem determina também a quantidade que pode ser guardada naquele local. Ultrapassar muito essa quantidade vai gerar uma bagunça difícil de organizar.

  1. Não envolver os outros moradores da casa na organização

É muito comum ver as tarefas da casa e a organização sendo direcionadas apenas para um morador da casa. Contudo, isso gera sobrecarga, exaustão, além de brigas e desgastes emocionais. Para que a organização e as tarefas da casa se tornem leves e funcionais, é importante que todos cooperem nas atividades.

  1. Trazer coisas desnecessárias para casa

Quantas vezes ganhamos brindes, pegamos papeis na rua e sem avaliar com calma já trazemos para dentro de casa. Esses itens acabam criando raízes e ficam ocupando um espaço desnecessário nas nossas gavetas. Sempre que for trazer algo para dentro da sua casa, avalie a real necessidade daquele pertence, e se não precisar, já faça a triagem antes mesmo de chegar em casa.

  1. Não ter endereços bem definidos para guardar cada item

Quando você vai guardar algum item em casa e não sabe exatamente onde ele deve ser colocado, é porque provavelmente o “endereço” daquele item não está bem definido. Isso gera confusão e desordem. É importante que cada item tenha um local claro e bem definido, e que todos que usam aquele item saibam onde que ele deve ficar.

  1. Mudar a bagunça de lugar sem resolvê-la

Quando as coisas fora do lugar começam a nos atrapalhar e incomodar, muitas vezes a nossa atitude imediata é querer tirar essa bagunça da frente. Colocamos aqueles itens soltos em uma gaveta, uma caixa ou até mandamos para aquele “quartinho da bagunça”. Isso gera mais desorganização, pois em vez de lidar e resolver o problema, você apenas o mudou de lugar.

  1. Guardar itens parecidos em diferentes locais da casa.

Quando separamos itens semelhantes, que utilizamos para um mesmo “uso” precisamos tomar um cuidado especial, pois muitas vezes podemos esquecer do item ou perder tempo olhando em diferentes locais da casa.

Quando os itens da mesma categoria estão todos juntos, poupa tempo na hora de procurar e também facilita na decisão quando você olha todas as opções que possui.

“Muitos esquecem que nossa casa vai muito além de quatro paredes recheada de móveis. Ela é o coração da sua família, onde convivemos, geramos harmonia e criamos identidade, vínculos e sentimentos. Olhar para a nossa casa é cuidar na nossa família, da autoestima das pessoas que ali vivem e dos relacionamentos que dependem dessa atmosfera para seguirem saudáveis”, completa brilhantemente Nalini.

Autora do livro “Casa Arrumada, Vida Leve” (Harper Collins), Nalini Grinkraut quer que as pessoas passem a ter uma relação mais saudável não só com a arrumação, mas também com a existência da bagunça. Seu desejo é desmistificar a organização e mostrar um caminho para se ter paz e harmonia dentro de casa de uma maneira leve e realista. Seu livro também aborda temas como consumo consciente, mudança de hábitos e comportamentos, autoconhecimento e relacionamentos familiares.

Nalini é uma das quatro profissionais brasileiras especializadas e certificadas pelo método KonMari™, de Marie Kondo, especialista em organização mais conhecida e seguida do planeta.

“A sua casa é a extensão do seu corpo. É o seu porto seguro, seu abrigo. É onde você repousa, sua mente relaxa e muitas experiências são construídas. Assim como devemos cuidar do nosso corpo como nosso templo, devemos cuidar da nossa casa como parte de nós. “ – Nalini Grinkraut

Sobre seu livro:

Você já teve a sensação de que não importa o quanto organize a sua casa, parece só estar mudando a bagunça de lugar?

Era assim que a autora de “Casa Arrumada, Vida Leve” se sentia. Após o casamento, a mudança de apartamento e a chegada dos filhos, Nalini Grinkraut, que até então se considerava uma pessoa organizada, percebeu que havia perdido o controle da própria bagunça.

Então, Nalini decidiu desvendar os mistérios da arrumação e aprender a organizar de fato. Foi aí que conheceu Marie Kondo, que a fez mudar sua percepção da organização, e a inspirou a seguir carreira como personal organizer e criar o próprio método de arrumação.

A autora traz reflexões sobre como nossas emoções, personalidade e rotina influenciam o ambiente em que vivemos e vice-versa. Além disso, nos mostra que é possível desenvolver uma relação mais consciente e saudável não só com a organização, mas também com a bagunça e nossos hábitos de consumo.

Sobre a profissional e autora:

Nalini Grinkraut é formada em propaganda e marketing pelo Mackenzie e pós-graduada em administração de empresas pelo Insper. Construiu uma sólida carreira na área de Marketing e, depois, se formou como personal organizer. Atualmente, por meio de suas palestras, consultorias, cursos online e redes sociais, ela se dedica a ajudar as pessoas a arrumarem as suas casas, obtendo mais bem-estar e qualidade de vida a partir da organização.

Serviço:

Livro:  Casa Arrumada, Vida Leve

Autora: Nalini Grinkraut (@nalinigrinkraut)

Editora: Harper Collins

Páginas: 224

Preço: R$ 49,90

Adquira o livro em: https://amz.run/5w4P

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: qua, 21 fev.

Advertisement

Advertisement

Categorias

You cannot copy content of this page