Crédito: Martin Sanchez/Unsplash
Business

Meus talentos – eu os valorizo?

Sending
User Review
0 (0 votes)

Se cada um de nós reconhecesse os talentos que possuímos, os considerasse importantes, os olhasse com o devido valor, com certeza seriamos pessoas mais bem-sucedidas e felizes. Mas, por vezes, temos dificuldades em chegar a esse ponto do autodesenvolvimento. Não nos enxergarmos sob esse prisma, pelo contrário, nos menosprezamos e isso traz algumas consequências práticas para nossa vida.
O que você faz melhor que os demais, em que se destaca, pelo que as pessoas elogiam e diferenciam você dos outros? O que você faz por prazer que não exige esforço descomunal e, mesmo que exija, não incomoda por ser algo que você gosta de fazer? Respostas a esses questionamentos lhe darão um leque de habilidades e competências que são seus talentos, tendo isso claro, poderá direcionar suas atividades pessoais e laborais de forma mais adequada, produtiva e que lhe causará mais bem-estar e felicidade.

Há diferença entre talentos pessoais e profissionais?

Conceitualmente falando não, mas na prática sim. Uns você usa em seu dia a dia, como construir um móvel ou desenvolver uma página pessoal da internet, cozinhar e fazer artesanato. Os profissionais são aquelas atividades que você faz tão bem que é reconhecido pelos resultados que consegue alcançar. Ambas as formas estão integradas e só são aplicadas e utilizadas em campos diferentes.

Se reconhecemos aquilo que somos bons, temos a chance de utilizar nossos talentos da melhor forma possível, obtendo sempre os melhores resultados, mas se não acreditamos, se não cremos em nossa capacidade em fazer diferente, provavelmente não estamos aproveitando ao máximo aquilo que pode de fato nos distinguir dos demais. Valorizar-se é o passo inicial para colocar em prática nossos diferenciais.

Podemos desenvolver habilidades e novas competências durante toda nossa existência, basta identificar qual é esse aspecto que ainda precisamos melhorar e nos submeter a mais treino, capacitação, estudo e com isso poderemos avançar algumas casas e chegar à excelência naquele aspecto. Porém, nada nesta vida é de graça. Precisamos investir tempo, energia, disposição e, em muitos casos, dinheiro, para mudar de patamar. Cabe a você analisar se vale a pena, o que ganhará e partir para ação.

Autorreconhecimento: um exercício diário

Pessoas que não conseguem ver e valorizar seus talentos podem estar passando por um período de baixa autoestima, depressão, estar atravessando um momento difícil na vida, ou não ter o apoio e reconhecimento dos mais próximos. Reconhecer como possuidor de qualidades superiores é um exercício que devemos fazer todos os dias, é olhar no espelho e ver que ali está um ser especial, dotado de inteligência e capacidade para fazer e ser o que quiser, é olhar para os resultados de suas ações e ver que, sim, você é diferente dos outros fazendo aquela atividade. Reconheceu isso? Então valorize e utilize esse reconhecimento de seus talentos para dar passos maiores.

Só podemos mudar essa situação se partimos para a ação. Faça uma autoanalise e se valorize. Se tiver muita dificuldade, procure ajuda de um profissional, seja um psicólogo ou outro profissional que conduza você nesse processo.

Pare agora o que está fazendo e abra uma nota em seu celular ou um novo arquivo em seu computador e liste seus talentos, suas qualidades excepcionais, aquilo que faz você feliz e traz resultados. Valorize-se! Ninguém é mais importante que você. Dê um passo à frente, avance e obterá os melhores resultados em sua vida com essa mudança de percepção e disposição para a ação.

Crédito: Taisiia Stupak/Unsplash

Ademir Bueno é psicólogo, mestre em Sociologia e professor adjunto do curso de Administração e de cursos de pós-graduação do Centro Universitário Internacional Uninter, um dos maiores grupos do segmento educacional e uma das únicas instituições de educação a distância do Brasil credenciada com nota máxima pelo Ministério da Educação (MEC). Sediado em Curitiba (PR), já formou mais de 550 mil alunos e, hoje, tem mais de 400 mil estudantes ativos. Fora do Brasil, o Centro Universitário Internacional UNINTER oferece mais de 200 cursos de graduação e pós-graduação EAD para brasileiros, com polos de apoio presencial localizados em Atlanta, Boston, Fort Lauderdale, Houston, Miami, Newark, Orlando, Salt Lake City e Washington-DC, nos Estados Unidos; em Lisboa, Portugal; em Londres, Inglaterra; em Milão, Itália; e em Nagoya e Toyohashi, Japão. 1-833-605-1255 | uninteramericas.com

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: dom, 21 abr.

Advertisement

Advertisement

Categorias

plugins premium WordPress

You cannot copy content of this page