Destaques News

Saiba o que fazer se você tiver recebido a vacina da Johnson & Johnson

Contabilidade
Sending
User Review
0 (0 votes)

Saiba o que fazer se você tiver recebido o imunizante

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) e a Food and Drug Administration (FDA) recomendaram uma pausa no uso da vacina COVID-19 da Johnson & Johnson para investigar relatos de coágulos sanguíneos potencialmente perigosos que ocorreram em seis mulheres vacinadas com o imunizante.

Mais de 6,8 milhões de pessoas receberam a vacina J&J nos Estados Unidos, a grande maioria sem efeitos colaterais ou leves sintomas. Desses milhões, somente seis pessoas tiveram o coágulo, segundo o CDC (Centers for Disease Control and Prevention), acrescentando que “esses eventos parecem ser extremamente raros”. Ainda assim, os canais de distribuição federais dos EUA, incluindo locais de vacinação em massa, vão pausar o uso do imunizante “por cautela”. 

Ainda não se sabe por que raros coágulos sanguíneos estão ocorrendo em alguns pacientes que receberam a vacina J&J. As seis pessoas que apresentaram coágulos eram todas mulheres com idades entre 18 e 48 anos, com sintomas que se desenvolveram de seis a 13 dias após terem recebido a injeção, disseram o FDA e o CDC. Elas tinham o que é chamado de trombose do seio venoso cerebral, e apresentavam baixos níveis de plaquetas sanguíneas. O New York Times relata que uma das mulheres morreu e uma segunda mulher está hospitalizada em estado crítico.

Até agora, a preocupação com os coágulos de sangue incomuns se concentrava na vacina da AstraZeneca, que ainda não recebeu autorização nos EUA. Na semana passada, reguladores europeus disseram ter encontrado uma possível ligação entre as injeções e um tipo muito raro de coágulo de sangue que ocorre junto com baixo teor de plaquetas, que parece ocorrer mais em pessoas mais jovens.

As vacinas J&J e AstraZeneca são feitas com a mesma tecnologia. Ao contrário das vacinas Pfizer e Moderna, que treinam o corpo para reconhecer a proteína spike que reveste a superfície externa do coronavírus, as vacinas J&J e AstraZeneca usam um vírus do resfriado, chamado adenovírus, para transportar o gene spike para o corpo. A J&J usa um adenovírus humano para criar sua vacina, enquanto a AstraZeneca usa uma versão de chimpanzé.

Vacina J&J – para consumidores

Pessoas que receberam a vacina J&J que estão apresentando forte dor de cabeça, dor abdominal, dor nas pernas ou falta de ar dentro de três semanas após a vacinação devem entrar em contato com seu médico.

Se você recebeu a vacina e não desenvolveu nenhum dos efeitos colaterais associados a sinais de coágulos sanguíneos dentro de três semanas após a vacinação, o risco de uma reação adversa é improvável. Autoridades de saúde recomendam que os pacientes continuem monitorando os sintomas.

Orientações para os médicos

Os profissionais de saúde devem relatar os eventos adversos ao Vaccine Adverse Event Reporting System em https://vaers.hhs.gov/reportevent.html

Pergunte a qualquer pessoa que apresente os efeitos colaterais relatados se ela foi vacinada recentemente.

O FDA e o CDC oferecem este aviso adicional por causa do “tratamento exclusivo” necessário para este tipo de coágulo: “O tratamento deste tipo específico de coágulo sanguíneo é diferente do tratamento que normalmente pode ser administrado. Normalmente, um anticoagulante chamado heparina é usado para tratar coágulos sanguíneos. Nesse cenário, a administração de heparina pode ser perigosa e tratamentos alternativos precisam ser administrados.”

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: dom, 24 set.

Advertisement

Advertisement

Categorias

You cannot copy content of this page