Turismo

A Jamaica também pode ser explorada a cavalo

Sending
User Review
0 (0 votes)

O “heartbeat of the world” ou “a batida do Coraçao” da Jamaica vibra em todas as dimensões. Assim, os viajantes podem explorar o destino de diferentes formas e uma delas é em uma cavalgada.

Existem muitas maneiras de explorar a Jamaica e uma delas é a cavalo. Para entender essa divertida oferta que o destino oferece com muita tranquilidade, o visitante deve ir até vilarejo de Braco Stables, onde passeios são oferecidos por algumas das mais belas paisagens jamaicanas, desde montanhas às praias, dentro d’água no rios e muitas paisagens agrícolas cultiváveis.

Braco Stables está localizado em Trelawny, Jamaica, a aproximadamente 35km de Montego Bay e 40km de Ocho Rios, uma vila turística por excelência. O distrito de Trelawny faz parte da história local tanto quanto a vila de Braco, cuja história remonta ao século XVIII. A propriedade foi uma fazenda de plantação de cana e convertida em uma fábrica de açúcar. Ainda serviu para o cultivo de pimentas e a criação de gado.

Hoje, os cavalos passeiam felizes pelos grandes campos e a casa tornou-se uma atração turística pela sua localização e beleza, mas, também, por fazer parte do passado dos ilhéus. Foi restaurada atendendo aos detalhes da época para que recupere a sua grandeza e foi transformada em uma propriedade privada. Desde seus estábulos acontecem as cavalgadas mais divertidas da Jamaica, todas acompanhados por guias especializados que comentam as histórias da região. O cenário do país é descoberto de uma forma diferente quando se cavalga pelo interior e cruzam-se longas distâncias até chegar às belas praias de águas azul-turquesa do litoral norte, onde cavalo e cavaleiro se refrescam ao pôr do sol.

Na região também há restos de um avião que caiu na Segunda Guerra Mundial e o turista pode ver plantações nos arredores até chegar ao litoral. Ali, todos podem descer e dar alguns mergulhos nas águas refrescantes do Caribe. O passeio termina em jardins de pimentas, buganvília e palmeiras. A Jamaica tem uma longa tradição em relação aos cavalos, que foram importados para as ilhas pelos espanhóis, um dos muitos povos invasores na época da conquista da América.

Centro Equestre Half Monn em Montego Bay é um local dedicado às atividades equestres. Passeios a cavalo na área são oferecidos por 20 minutos ou mais a todos os visitantes, mas aulas para iniciantes e várias categorias de cavaleiros com trilhas especialmente preparadas também são ofertadas. Eles dão aulas de salto e pólo, uma das atividades esportivas que atrai muitas pessoas na Jamaica, e na qual eles têm até um handicap internacional. Existem mais de cinco clubes de Polo na ilha e é uma das poucas nações a ter uma Associação de Polo local.

Knolford Polo & Tennis Ranch oferece hospedagem e experiências campestres, passeios a cavalo, aulas e clínicas de tênis. Outra opção bastante conhecida em todo o país é o Chukka Cove Polo Club, que organiza passeios das montanhas ao mar.

__

Sobre a Jamaica: Jamaica, “The Heartbeat” (A Batida do Coração), é a terceira maior das ilhas do Caribe e a maior de língua inglesa. Desde o amanhecer até o sol desaparecer no mar ao pôr do sol, a Jamaica apresenta uma magnífica paleta de cores, um caleidoscópio de beleza que faz da ilha a joia mais preciosa da região caribenha. Oferece experiências e atividades únicas, paisagens impressionantes e gente acolhedora. A Jamaica é a terra do “All Right”. Sua cultura é conhecida e amada em todo o mundo por sua vibração e diversidade. Todos os visitantes que visitam a ilha não precisam de visto e devem ter passaporte válido e certificado internacional da vacina de febre amarela. Siga a Jamaica no Instagram: @visitajamaica . 

Informações à Imprensa: 
Escritório de Turismo da Jamaica no Brasil 
E-mail: rpbr@1gms.com 

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: sáb, 24 fev.

Advertisement

Advertisement

Categorias

You cannot copy content of this page