Saúde Mental
Vida & Saúde Vida e Saúde

Saúde Mental

Contabilidade
Sending
User Review
0 (0 votes)

Por Dra. Ana Gouvea

Falar de saúde mental era até pouco tempo atrás um tabu. A ideia era que terapia e psicológos serviam somente para “gente maluca”. Esse estigma com relação à saúde mental muitas vezes contribuiu para que as pessoas não procurassem ajuda quando precisavam. Saúde mental é tão importante quanto saúde física e os dois estão relacionados todo o tempo. Se você está ansioso, preocupado, pode apresentar tensão muscular, dor de cabeça, palpitações, suor nas mãos, falta de energia, insônia etc. O que passa nas nossas mentes reflete no nosso corpo.

Hoje em dia o estigma associado à saúde mental melhorou, mas ainda existe. Nos Estados Unidos, o mês de maio é o mês da conscientização da saúde mental e tem como objetivo diminuir o estigma relacionado ao tema. Para isso, é preciso educar e informar a população sobre o significado da saúde mental e como procurar ajuda. Falar sobre esses assuntos é a melhor maneira de lidar com o estigma e combater estereótipos.

Muitas celebridades têm contribuído para diminuir esse preconceito ao revelarem seus problemas com saúde mental e sua luta para lidar com esses problemas. A atriz e cantora Demi Lovato é um exemplo. Ela fala abertamente de seus conflitos com bulimia e abuso de substâncias. Ela também produziu o documentário “Beyond Silence”, com o objetivo de diminuir o estigma e celebrar a força e a perseverança das pessoas que lidam diariamente com problemas de saúde mental.

Lady Gaga também revelou a sua luta com o transtorno de estresse pós-traumático (PTSD em inglês), em função de um abuso sexual que sofreu quando tinha 19 anos. A cantora tem uma Fundação, “Born This Way”, cujo objetivo é apoiar e promover o bem-estar emocional e mental dos jovens. Zayn Malik, ex-cantor do grupo One Direction, revelou em sua autobiografia problemas de distúrbio alimentar e ansiedade. Shawn Mendes é outro cantor que revelou sua luta contra a ansiedade. A atriz Emma Stone também fala abertamente de sua ansiedade e ataques de pânico.

Outro exemplo famoso é o do príncipe Harry, que revelou recentemente os problemas mentais que teve depois da morte de sua mãe e como passou 20 anos tentando esconder isso, até que finalmente procurou ajuda de um profissional. Ele, seu irmão e cunhada fundaram o programa “Heads Together”, com o objetivo de chamar a atenção para o problema do estigma em torno do tópico saúde mental e a importância de se falar do tema.

odos esses exemplos mostram como conflitos de saúde mental não escolhem endereço, classe social, idade ou gênero. Então, é preciso acabar com o estigma. Não ter vergonha de falar dos problemas e procurar ajuda de um profissional qualificado. Billie Eilish, em uma entrevista, resumiu bem quando disse que procurar ajuda não significa que você é um fraco.
Saúde mental também é saúde e precisa ser tratada como tal. Da mesma forma que cuidamos do nosso corpo, temos também que cuidar das nossas mentes. Ser feliz é um direito. Não deixe problemas de saúde mental impactarem negativamente a sua vida.

Procure ajuda!

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: seg, 22 jul.

Advertisement

Advertisement

Categorias

You cannot copy content of this page