Programe-se

‘Como Será?’ visita Instituto Gustavo Kuerten

Sending
User Review
0 (0 votes)

Alice Kuerten, mãe do atleta, conversa com Sandra Annenberg no estúdio sobre o trabalho realizado com crianças e jovens. Quadro ‘Expedição Água’ ressalta a importância da preservação dos manguezais
O ‘Como Será?’ apresenta o trabalho realizado pelo Instituto Gustavo Kuerten (IGK), em Florianópolis, que oferece atividades educacionais e esportivas a crianças e jovens da rede pública de ensino. O repórter Rogério Coutinho mostra como, apesar de levar o nome do tenista brasileiro, o instituto conta com o envolvimento de toda a família Kuerten: a mãe de Guga é presidente do IGK e o irmão, vice-presidente. Dividido em sete núcleos, a associação sem fins lucrativos oferece aulas de diversos esportes (não apenas tênis) conjugadas com iniciativas culturais e estimulando o espírito olímpico em seus alunos. As atividades esportivas, realizadas em clubes e associações, são acompanhadas por um professor de educação física e uma psicóloga. Para falar sobre o trabalho realizado no IGK, Sandra Annenberg recebe no estúdio Alice Kuerten, mãe de Guga. Ela fala sobre a relação com os alunos e a importância do uso de espaços parceiros para o desenvolvimento do projeto. Em 15 anos de atividades, já foram atendidas mais de 68 mil pessoas.
Considerados berçários da vida marinha, os manguezais são o tema do quadro ‘Expedição Água’. Para mostrar como a riqueza desse ecossistema pode ajudar a conter o aquecimento global, Renato Cunha visita o Recôncavo Baiano, região repleta de manguezais. Ele explica que o mangue se forma do encontro de água doce com salgada e que sua vegetação densa é formada por três tipos de árvores que protegem as áreas costeiras da erosão, além de funcionar como um filtro, retendo organismos vivos e nutrientes. O repórter conversa com o educador ambiental Carlinhos de Tote sobre a importância do caranguejo para o equilíbrio ambiental na região – tanto que o animal é um símbolo do mangue e sustenta os catadores que trabalham no ecossistema. Em Maragojipe, Renato conhece a Fundação Vovó do Mangue, que atua na preservação dos manguezais e cujo nome é inspirado numa lenda local.
No quadro ‘Hoje é dia de… esporte noturno’, Alexandre Henderson acompanha uma turma que gosta de se exercitar sob as estrelas. O apresentador conversa com Zelito Barbosa, estudante de Educação Física e que trabalha na coleta noturna de lixo em São Paulo. Ele conta que escolheu a função exatamente porque o trabalho o permitia correr cerca de 20 km por noite. O quadro mostra, ainda, um grupo de funcionários de um restaurante que se diverte jogando futebol semanalmente após o expediente, de madrugada, e outro que se reúne para pedalar pelas ruas da capital paulista e, ao fim do percurso, tomar uma cerveja. Alexandre também se une a amigos que praticam paintball sempre à noite.
No ‘Posso Ajudar?’, a artesã Samara Ornellas Milano recebe a ajuda da assessora de comunicação Sandra de Angelis para incrementar as vendas em sua loja virtual de roupas de bebê, que vem enfrentando dificuldades. Sandra conversa com as duas no estúdio.
Na série de reportagens ‘Atrás da medalha’, a atleta de luta olímpica Aline Silva, que vai representar o Brasil nos Jogos Olímpicos, conta quem foi a grande inspiração para que ela seguisse uma carreira profissional no esporte. Aline tem o melhor resultado brasileiro na modalidade: a medalha de prata no Mundial do Uzbequistão, em 2014.

Sobre o ‘Como Será?’
‘Como Será?’, parceria do Jornalismo e da área de Responsabilidade Social da Globo com a Fundação Roberto Marinho, tem como objetivo compartilhar com o público experiências transformadoras, exemplos de cidadania e colaborar para a construção de um futuro melhor ao tratar de maneira integrada temas como educação, ecologia, mobilização social, trabalho e inovação. É um espaço para apresentar, conhecer e incluir pessoas e ideias, que conta com a interatividade como grande aliada.

Crédito: Globo/Divulgação
O programa vai ao ar no canal internacional da Globo neste sábado, 14 de maio, nas Américas, domingo, dia 15, no Japão e Austrália, e sábado, 21 de maio, na Europa e África.

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: ter, 23 abr.

Advertisement

Advertisement

Categorias

plugins premium WordPress

You cannot copy content of this page