Como Se Preparar Para Provas e Competições Que Ninguém Ainda Sabe Quando Irão Acontecer?
Esporte

Como se preparar para provas e competições que ninguém ainda sabe quando irão acontecer?

Ortopedista da 04 DICAS Para Que Você Possa Se Preparar Bem Para as Próximas Competições!

Que a pandemia do coronavírus tem afetado a vida de todos nós, não há nenhuma dúvida e no mundo dos esportes, a coisa não tem sido diferente. A pandemia afetou a rotina de todos os atletas e praticantes de esportes ao redor do mundo. Vimos isso acontecer desde aqueles pequenos eventos, pequenas corridas e até mesmo as Olimpíadas de Tokyo 2020 que passaram para 2021.

O mundo precisou parar o esporte e quem estava prestes a participar de uma competição, ficou rodeado de incertezas.

Conversamos sobre isso com o Dr. Samuel Lopes, ortopedista, especialista em cirurgia do Joelho, Trauma do Esporte e chefe do Departamento de Ortopedia e Traumatologia da Santa Casa de Juiz de Fora – MG.

Ele nos deu 04 dicas importantes para quem precisa manter-se preparado durante o período de isolamento, para as competições futuras.

Vamos a elas:

01- PROTEGER-SE DO CORONAVIRUS
Pode parecer óbvio mas é super importante se proteger do coronavírus, ou seja, não se expor desnecessariamente e ter os cuidados preventivos no seu dia a dia. O Dr. Samuel Lopes explica que pessoas comuns que tiveram o coronavírus, mesmo atletas, tiveram uma perda de saúde muito significativa. “Fraqueza e Dificuldades de realizar as atividades do dia a dia, foram relatadas. Então, neste momento em que estamos treinando menos e nos esforçando menos ainda, não é nada bom contrair qualquer doença que possa gerar uma piora acentuada do nosso condicionamento físico e nos impedir de fazer nossas atividades diárias, pois o impacto é muito grande” – diz o especialista.

02 – MANTER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL E BALANCEADA
Muitas pessoas tem relatado dificuldades em manter uma alimentação equilibrada e muitos tem abusando de alimentos mais gordurosos, mais doces, o que acaba gerando uma alteração do condicionamento físico devido ao ganho de peso. Então, uma alimentação balanceada, a base de proteínas e com auxílio de algum suplemento prescrito por um nutricionista, é fundamental neste momento para manter sua performance, melhorar a sua imunidade e minimizar a perda de massa magra, que acaba sendo inevitável, pois uma vez que estamos treinando menos e ficando mais tempo em casa, é normal que haja alguma perda de massa muscular.

03- PRÁTICA REGULAR DE EXERCÍCIOS FÍSICOS
Como dito anteriormente, a manutenção da massa magra é muito benéfica para a prática de esportes. Por isso, é fundamental manter uma rotina regular de exercícios específicos, principalmente os de potência, de agilidade, flexibilidade e mobilidade, que devem fazer parte da rotina diária de treinos dos atletas.

Neste momento, busque ajuda de algum profissional de educação física ou de um treinador. “Vale lembrar que toda modalidade de Esporte demanda exercícios preventivos. Então, aquele trabalho que a gente faz em conjunto com o fisioterapeuta ou com o educador físico para prevenção de lesões osteomusculares, tem sido muito importante, principalmente para quem participa de esportes competitivo como o futebol. Então, o trabalho de prevenção ele tem que fazer parte da rotina de exercícios mesmo em casa.”- diz o Dr. Samuel Lopes.

04- CUIDE DA SUA SAÚDE MENTAL
Nunca antes, havíamos ouvido falar tanto sobre esse tema e talvez, tenhamos finalmente, descoberto a importância de se trabalhar a saúde mental para o nosso dia a dia, para nossa vida e claro, para o esporte, que é fundamental.

Existem diversas coisas que podem ser feitas e a primeira delas é a rotina diária. Busque atividades de relaxamento que vão te ajudar no controle da ansiedade e do estresse. Tente criar uma rotina mais produtiva sem que haja cobrança em excesso por produtividade, pois ir de um extremo a outro, pode ter efeitos deletérios.

Associe seus treinos diários às sessões de alongamento, aulas de yoga, meditação, entre outras, que são práticas muito comuns e que tem sido benéficas para o controle da Saúde Mental.

Além disso, existe a questão de mentalização do retorno ao esporte, explica o Dr. Samuel Lopes. “A idealização positiva, ou seja, você se visualizar fazendo a prática esportiva novamente, correndo, competindo, fazendo a sua melhor performance, é de grande valia. Diversos estudos apontam os benefícios que você tem desse trabalho de mentalização. Você retornará melhor e vai performar com mais resultados.”

Agora com estas quatro dicas, é hora de você juntar tudo e preparar a sua rotina. Manter um trabalho diário em casa, ter contato com os profissionais que podem te ajudar a entender quais são as suas necessidades e suas maiores dificuldades, para que você esteja apto para a hora de voltar.

No mais, é preciso ter certeza que isso tudo vai passar e quando passar, você vai estar pronto!

Dr. Samuel Lopes Créditos
Dr. Samuel Lopes é Médico ortopedista, especialista em cirurgias do joelho e trauma do esporte. Membro efetivo da sociedade Brasileira de Ortopedia (SBOT), Sociedade Brasileira de Cirurgia do Joelho (SBCJ) e da Sociedade Brasileira de Artroscopia e Traumatologia do Esporte.