A Seleção Masculina dos Estados Unidos apareceu em sua sétima Copa do Mundo consecutiva em 2014 no Brasil, mas estará fora da Copa 2018 na Rússia
Esporte

As grandes ausências

Contabilidade
Sending
User Review
0 (0 votes)

Apesar de reunir a nata do futebol mundial, toda Copa sempre acaba sofrendo com ausências importantes. A tetracampeã Itália será, sem dúvida, a que mais fará falta na Rússia. Com uma geração fraca e sem brio, os italianos deram vexame e ficarão de fora da grande competição pela primeira vez em 60 anos. As colônias italianas espalhadas pelo Brasil e Estados Unidos, tão apaixonadas por futebol, ainda não conseguem acreditar no papelão que a Azzurra fez.

A Holanda é outra potência que possui um ótimo retrospecto em Copas, mas, desta vez, terá que acompanhar o evento pela TV. A transição de uma boa geração com jogadores como Robbin e Van Persie para a nova não surtiu bons resultados e a seleção acabou sendo excluída até da repescagem.

Após irem a sete Copas consecutivas, os Estados Unidos decepcionaram e acabaram em quinto lugar na fase final de classificação, atrás até de Honduras e Panamá. Uma pena, pois os americanos vêm pegando gosto pelo que eles chamam de “soccer” e agora terão que esperar mais quatro anos para verem seu país em um Mundial.

Na América do Sul, a decepção veio com o Chile. Apesar de ser o atual bicampeão da Copa América e de contar com uma geração muito talentosa, não conseguiu nem ir para a repescagem. A soberba excessiva de alguns atletas acabou custando bem caro.

Foto: Fifa

Comente

Clique aqui para comentar

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: sáb, 20 jul.

Advertisement

Advertisement

Categorias

You cannot copy content of this page