Entrevistas Gente

“Miami é a melhor cidade para viver”

Contabilidade

Ele já foi apresentador de TV no Brasil e aos 23 anos fez sucesso como o modelo da Banheira do Gugu, antigo quadro do programa Domingo Legal, do SBT. Hoje, aos 37, Leandro Seguro é um jovem empresário bem-sucedido, que chegou a Miami em 2001 trazendo na mala a busca pelo sonho americano. Quatorze anos depois, esse sonho já é realidade. Seguro é um dos donos do tradicional restaurante japonês Hiro, local em que trabalha desde que chegou aos Estados Unidos.
Casado, pai de dois filhos (Julia, de 8 anos e Lorran, de 1), o paulistano sabe o que quer e considera Miami o lugar perfeito para viver. “Acho que hoje não tem um país e uma cidade melhor pra viver no mundo. Miami está crescendo demais, com milhares de pessoas chegando todos os dias e novos empreendimentos, principalmente no setor imobiliário”, afirmou Seguro.
A paixão pela culinária começou quando trabalhou como técnico de cozinha em um restaurante francês comandado por um chef português, que o ensinou a cozinhar. A nacionalidade do chef foi fundamental porque, naquela época, Leandro ainda estava aprendendo inglês. Ao mesmo tempo, ele já trabalhava no Hiro como ajudante de garçom e, ali, ele só cresceu – até tornar-se um dos proprietários, anos depois. A Acontece Magazine conversou com o empresário.
As pessoas questionam o fato de você ser brasileiro e dono de um restaurante japonês?
Muita gente me pergunta isso, mas o fato é que até no Brasil tem mais restaurante japonês do que churrascaria. E lá a maioria dos chefs também nem são japoneses e muitos nem falam a língua. O brasileiro é um povo que se identifica demais com a culinária japonesa, principalmente porque é uma comida saudável. Quando me fazem essa pergunta eu respondo: e um judeu não pode ter uma pizzaria? (risos). Mas hoje estou mais na administração e atendimento ao cliente do que na própria cozinha. Deixo os japoneses liderarem essa área.
Miami tem muitos restaurantes japoneses. Como lida com a concorrência e qual o diferencial do Hiro?
Alguns concorrentes são mais voltados ao turismo, e o Hiro é um restaurante mais local, tradicional na região (já são 30 anos). Só em 2014, cerca de 15 restaurantes japoneses fecharam as portas e outros 6 inauguraram. Acredito que o segredo do nosso sucesso é ter preço bom, qualidade e atendimento rápido. Mas além do nosso preço ser bastante acessível e sem quase nenhum ajuste há mais de dez anos, o nosso maior diferencial e o que nos destaca da concorrência é o fato de que funcionamos nos 365 dias do ano, do meio dia às 3:30 da manhã. Até na época do furacão Wilma, em 2005, quando quase todos os lugares estavam fechados e sem energia, nós estávamos funcionando!
Que conselhos você daria para quem quer abrir um negócio nos Estados Unidos?
Muitos brasileiros chegam e acham que é fácil abrir uma empresa. Tem que estudar o mercado, saber onde está pisando. Saber quais são os seus direitos e suas responsabilidades. Se for abrir um restaurante, investigar a área, o tipo de culinária que vai trabalhar, as leis da cidade, as licenças, tudo isso é muito importante.
Você fez sucesso na TV brasileira pelo corpo malhado e ainda hoje mantém a boa forma. Você gosta de se cuidar?
Sim, muito. Vou à academia todos os dias, uso cremes, tenho uma alimentação saudável, como muitos frutos do mar, tomo chá verde e tento ter uma vida mais tranquila. Acho que alimentação e um pouco de genética são o segredo.
Qual o seu lugar preferido em Miami?
Miami é a cidade 007. Você faz o que quer e onde quiser. Eu adoro essa cidade e um dos meus lugares preferidos quando não estou trabalhando é o restaurante 1826, na Collins, que tem um dos melhores chefs que conheço, o Danny Grant, meu amigo.
Por que escolheu os Estados Unidos para viver ?
Esse sempre foi o meu sonho, desde criança. E quando consegui realizar esse sonho, me apaixonei pelo país, não queria ir para outro lugar. Achei a cidade parecida com São Paulo e me senti muito acolhido. E não existe lugar melhor do que aquele que você se sente bem e que te dá muitas oportunidades de vida.

Foto: Fabiano Silva

Comente

Clique aqui para comentar

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: dom, 14 jul.

Advertisement

Advertisement

Categorias

You cannot copy content of this page