Programe-se

De olho na construção sustentável

Sending
User Review
0 (0 votes)

‘Como Será?’ estreia ‘ECOnstrução’, série de reportagens sobre soluções ecologicamente corretas e econômicas usadas no setor de engenharia civil
Diante de novas tecnologias de construção e da necessidade de um olhar mais global sobre os novos empreendimentos, é cada vez mais fácil desenvolver um projeto de engenharia que alie sustentabilidade e economia. Para analisar o cenário da construção civil sustentável no Brasil, o ‘Como Será?’ estreia a série ‘ECOnstrução’. Em três reportagens, especialistas explicam os impactos do setor e apresentam possíveis soluções para o mercado e para o cidadão comum, passando pelas fases de projeto, obra e uso do empreendimento. No programa, a repórter Mariane Salerno questiona quais são os desafios da construção sustentável, apontando a importância do planejamento, o famoso ‘prever para não desperdiçar’. É nesta fase que entram decisões como desempenho de água e energia.
A repórter Helena Lara Resende mostra o crescimento do mercado de alimentação saudável para animais de estimação. Ela entrevista a adestradora Cristal Sauwen, que só oferece este tipo de comida para seu cachorro. O vira-lata Alemão foi adotado de um abrigo há pouco mais de dois anos e, nos primeiros seis meses no novo lar, mal comia a ração. Submetido a exames, foi diagnosticado com inflamação no olho e colesterol alto. Foi quando Cristal resolveu dividir com o cão seus hábitos de alimentação saudável. A reportagem mostra a elaboração de pratos com carnes, legumes, grãos, ervas e temperos visando a maior absorção de nutrientes essenciais pelos cachorros.
No estúdio, Sandra Annenberg conversa com o presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis de São Paulo (CRECI-SP), José Augusto Viana Neto, sobre alugueis. De acordo com o especialista, é um bom momento para quem está procurando um imóvel pois o preço médio dos alugueis no Brasil vem caindo. Ele também dá dicas de negociação para aqueles que estão no meio de um contrato. E para o dono do imóvel? Alugar ainda é um bom negócio?
Na série ‘Expedição Campo’, Renato Cunha ensina como usar a rochagem para tornar a terra mais fértil e baratear a produção de alimentos. A técnica é usada para substituir o uso em excesso de fertilizantes – o Brasil é o quarto no mundo em consumo destes produtos. Na rochagem, o pó das rochas que fica acumulado em pedreiras é usado para adubar a terra, que se aproveita de minerais como o cálcio e o potássio. Estudado desde 1950, este tipo de adubação só foi regulamentado recentemente no Brasil. Renato conversa com o agrônomo Carlyle Nunes na Pedreira Araguaia, em Goiás, sobre a produção do pó de rocha e a sua utilização na rochagem. Na cidade de Urutaí, o apresentador visita uma fazenda que adota a técnica em suas produções de soja e milho.
Sobre o ‘Como Será?’
‘Como Será?’, parceria do Jornalismo e da área de Responsabilidade Social da Globo com a Fundação Roberto Marinho, tem como objetivo compartilhar com o público experiências transformadoras, exemplos de cidadania e colaborar para a construção de um futuro melhor ao tratar de maneira integrada temas como educação, ecologia, mobilização social, trabalho e inovação. É um espaço para apresentar, conhecer e incluir pessoas e ideias, que conta com a interatividade como grande aliada.

Crédito: Globo/Divulgação
O programa vai ao ar no canal internacional da Globo neste sábado, 12 de novembro, nas Américas; domingo, dia 13, no Japão e Austrália; e sábado, dia 19, na Europa e África.

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: dom, 21 abr.

Advertisement

Advertisement

Categorias

plugins premium WordPress

You cannot copy content of this page