Dr. Cindy Shaffer, Dr. Khurram Nasir e Dr. Arthur Agatston do Baptist Health Medical Group de Miami Beach
Vida e Saúde

Remédios: sim ou não?

Pacientes que querem reduzir seu nível de colesterol e evitar possíveis ataques do coração, mas preferem evitar remédios, têm agora à disposição um novo e importante estudo, que esclareceu que um simples teste pode ajudar esses pacientes e seus médicos a decidirem se podem deixar de tomar remédios. Os resultados do estudo, publicado em outubro no “Journal of the American College of Cardiology”, sugerem que metade dos pacientes que atualmente estão tomando estatinas poderiam evitá-las com segurança.
Milhões de pessoas tomam estatinas, medicamentos que reduzem o colesterol, e a maioria com nenhum ou apenas efeitos colaterais leves. Entretanto, para outras, os efeitos colaterais das estatinas afetam negativamente sua qualidade de vida ou elas simplesmente não querem tomar remédios.
Os guidelines do American Heart Association e do American College of Cardiology ditam que a decisão de usar ou não estatinas deve basear-se nos fatores de risco do paciente. Porém, um dos fatores de risco é a presença de calcificação nas artérias coronarianas, e este não está incluído no atual calculador de risco cardiovascular.
Desenvolvido por pesquisadores –incluindo o dr. Khurram Nasir e o dr. Arthur Agatston, meus colegas de trabalho no Baptist Health South Florida–, esse estudo sugere que os pacientes que têm um score de cálcio 0 (zero) podem evitar o uso das estatinas com segurança.
O teste, que consiste em uma tomografia do coração, pode detectar a quantidade de cálcio nas artérias coronarianas (coronary artery calcium, ou CAC). Produzindo apenas um nível de radiação (não superior ao de uma mamografia), o teste tem sido geralmente usado para determinar se o paciente sofre de endurecimento das artérias mediante a detecção dos níveis de calcificação.
Entretanto, os médicos não costumam pedir esse scan, já que normalmente não é coberto pelo seguro. Porém custa menos de US$ 100 –o que, para muitos pacientes, pode valer a pena. Se você tem alguma preocupação quanto à ingestão de estatinas para lidar com altos teores de colesterol, converse com seu médico para incluir este exame como parte do seu regime de prevenção. É bem possível que você possa evitar medicamentos continuando apenas com a dieta saudável e a prática de exercícios. Quer o seu resultado seja alto ou baixo, o score de cálcio oferece importantes informações sobre a saúde do seu coração.

Por Dra. Cindy Shaffer