Seu veterinário será sempre sua melhor fonte de informação
Pets

Como me preparar para a gravidez do meu pet?

Contabilidade
Sending
User Review
0 (0 votes)

Por Dra. Cecília Magalhães

Se você tem a intenção de ser vovô ou vovó, isto é, acasalar sua cadelinha ou gatinha, eu gostaria de lhe dar alguns conselhos. Mas lembre-se, seu veterinário será sempre sua melhor fonte de informação.

Em primeiro lugar, somente cruze seu animalzinho de estimação depois do segundo cio, ou seja, ciclo menstrual. Normalmente nesta idade elas já estão no final da adolescência e no início da vida adulta. Os hormônios já estão mais estabilizados e o corpinho mais preparado para a maternidade.

Antes do acasalamento, as futuras mamães devem ser vermifugadas, e se for o caso, deve-se aplicar os preventivos contra filariose, pulgas e carrapatos. As vacinas devem estar atualizadas para que durante as primeiras amamentações, quando os filhotes recebem o colostro, este seja rico em anticorpos para melhor protegê-los.

Não vacine sua cadelinha ou gatinha durante a gestação.

A gestação é bem curta: na cadelinha, dura de 58 a 63 dias e, nas gatinhas, de 64 a 66 dias. As mudanças no organismo ocorrem rapidamente e incluem: alteração de comportamento, de mais carinhosas a mais dorminhocas; as tetinhas ficam maiores e mais rosadas; e às vezes apresentam um maior apetite no início ou menor apetite no progresso da gestação, porque também podem ficar enjoadas como as mulheres.

A alimentação deve ser modificada gradativamente para comida de filhotes, esta sendo a melhor dieta durante a amamentação. Eu sei que dar cálcio e vitaminas pode ser uma tentação, mas se você oferecer uma alimentação de qualidade, é completamente desnecessário ou mesmo não aconselhável, podendo levar até mesmo a complicações futuras.

A gravidez em cães e gatos pode ser confirmada através de um exame feito pelo seu veterinário, testes de gravidez, ultrassom e radiografia, dependendo do suposto tempo de gestação.

Se você acha que sua companheirinha está gestante, leve-a imediatamente ao veterinário. Só ele poderá ajudar a diferenciar gravidez de infecção uterina, de gravidez “psicológica” e até de morte fetal.

Dica: não cruze seu pet por impulso. Esta é uma decisão muito importante na sua vida e na vida do seu bichinho. O cruzamento deve ser feito com muita responsabilidade para que seu pet e os futuros filhotes tenham um dia a dia de cuidados e amor.

Comente

Clique aqui para comentar

Advertisement

Agenda de Eventos Acontece

Taxa de câmbio

Taxas de câmbio USD: dom, 21 abr.

Advertisement

Advertisement

Categorias

plugins premium WordPress

You cannot copy content of this page