News

Trump é absolvido em segundo julgamento de impeachment

Como era previsto, o ex-presidente Donald Trump foi novamente absolvido pelo Senado no sábado, 13 de fevereiro, em seu segundo julgamento de impeachment.

A acusação de “incitamento à insurreição” contra o Capitólio americano não foi aceita pelos senadores – 57 votaram a favor e 43 votaram contra, mas para o processo ser aceito, eram necessários 67 dos votos (dois terços da Casa). 

Apesar de dizer que o Senado não deveria julgar um ex-presidente, após o seu voto a favor da absolvição, o senador Mitch McConnell fez um discurso duro e repreendedor, chamando Trump de “prática e moralmente responsável”.

Entre os 57 senadores que votaram pela condenação do ex-presidente, estão inclusos sete republicanos, tornando esse o maior apoio bipartidário para a condenação de um presidente em todos os casos existentes na história americana. Trump é o presidente que recebeu mais votos pró-condenação dentro de seu próprio partido.

O impacto político da absolvição de Trump é que, graças ao resultado do julgamento, o ex-presidente pode voltar a se candidatar em 2024, se quiser.

You cannot copy content of this page