Destaques Gente

O mercado de luxo e o novo conceito desse universo

É até engraçado falar do mercado de luxo utilizando as palavras como “novo” e “atual”. Esses recursos levam o conceito de factual, de imediato e instantâneo o que nada tem a ver com o tradicionalismo do segmento de alto padrão.

Há 8 oito anos eu trabalho nessa área, assim que me especializei na França, na Itália e no Brasil em gestão de luxo. De consumidora, me tornei especialista e procurei me aprofundar para entender, conhecer, absorver e poder ativar em meu negócio todos os atributos que sustentam os pilares do mercado de luxo e o que mantém seu império unificado e sólido.

São anos, são marcas centenárias que passaram por períodos de ascensão, glória, crise e turbulência. Mas, que mesmo assim, se mantiveram firmes pela essência. Então, o que podemos aprender para que em nossa empresa possamos ser tão resilientes quanto e, cada vez mais, encantar e fidelizar clientes ao nosso redor.

Quando falo em novo conceito, é exatamente porque ao captar melhor os objetivos desse segmento, é que vamos consolidar do que se trata. Falar de mercado de luxo sempre vai acarretar em pensar no “ter”. Nos últimos anos, ao democratizar o conteúdo e a informação, percebemos que é tudo questão de “viver”. Não é acumular, comprar, ostentar. É vivenciar experiências, promover momentos, criar memórias afetivas.

Saímos do estigma raso do que é o conceito do mercado de luxo e passamos a transbordar possibilidades. A gastronomia, o turismo, a hotelaria, o atendimento de qualidade, a empatia, a sensibilidade com o próximo, tudo isso é luxo. Muito mais do que um produto, mas um serviço ou um carinho que pode ser colhido em qualquer nicho de atuação.

E é dessa forma, transcendendo conhecimento, que contribuo com o mercado. Ao promover uma palestra, um workshop, um curso de extensão e até um treinamento, eu defendo que mesmo não trabalhando com um produto de precificação alta, a sua postura, o que você oferece e todo o acompanhamento desse processo deve ser de valor.

E é aí que está nossa primeira lição com o mercado de luxo: preço e valor são diferentes. Você sabe me dizer o que exatamente o seu negócio oferece?

O mercado de luxo deve e precisa ser estudado e conhecido, para que assim, essas estratégias tão bem sucedidas se tornem inspirações para alavancar o nosso posicionamento como marca.

Manu Berger – Empresária e especialista no mercado do luxo e fundadora da Terapia do Luxo.

Foto: Divulgação