O artista brasileiro Marcelo retrata ícones da história
Arte

Marcelo Celau, um artista de alma

Sending
User Review
5 (1 vote)

Marcelo Celau não é aquele artista que desde criança era apaixonado pela arte e tampouco era aficionado pelos lápis de cores e tintas nas aulas de arte. Gostava muito das aulas de eduçação artística, mas nunca sonhou em ser pintor.
Nascido em Ipiaú, a 100 km de Ilhéus, na Bahia, sempre conviveu com arte na família. Seu tio, o escritor e roteirista José Louzeiro, escreveu grandes filmes brasileiros, como “Pixote, A Lei do Mais Fraco” e “Lucio Flavio, o Passageiro da Agonia”, entre outros. Mesmo assim o jovem Celau não tomou esta direção, até anos mais tarde.
O artista começou a experimentar desenhos em suas próprias camisetas já adolescente, como uma brincadeira, e diz que os resultados não foram nada bons. Aos poucos, porém, foi melhorando sua arte em tecido e começou a fazer sucesso na sua cidade.
O bom momento foi interrompido por um acidente grave, e o jovem que pintava aposentou suas tintas e pincéis por 13 anos.
Celau acredita hoje que foi a arte que salvou sua vida, mudou sua maneira de pensar e o levou para lugares em que nunca imaginou estar.
Ele se define como um entusiasta, um artista de alma, um autodidata que aprendeu com tentativas de “erros e acertos”.
Tudo começou quando um amigo encomendou duzentas camisetas pintadas e Celau aceitou o desafio. Desde então não parou mais, e as camisetas deram lugar às telas, com sua técnica se aprimorando com o tempo.
Entregue à Pop Art, o artista explica que cria suas telas com sua percepção e emoção e que sempre existem paredes tristes, que precisam de uma cor.
A arte de Celau consiste atualmente em retratar ícones da história, como rockstars, atores e atrizes, lutadores famosos, pilotos etc usando tinta acrílica sobre tela.
Seu trabalho se distingue pelos traços firmes e precisos, sem o uso de fita isolante na divisão de traços e cores.
Suas telas são uma combinação de cores elegante e seus ângulos marcam os traços dos rostos das personalidades com requinte.
Celau é um artista relativamente novo que ainda promete muitas fases interessantes. Com apenas dois anos de carreira, sua primeira exposição aconteceu em sua terra natal, e com a boa repercussão foi incentivado a tentar o grande sonho de levar sua arte a São Paulo.
Sua chegada à capital paulista foi difícil, sua trajetória nada fácil, porém persistência e garra eventualmente o levaram à Galeria Vitor Hugo, onde começou a vender seus trabalhos consistentemente.
Inspirado em Andy Warhol e Pollock, Celau traz sua arte a Miami em setembro, para sua primeira exposição internacional.

Por Jade Matarazzo

Comente

Clique aqui para comentar

You cannot copy content of this page
X