Imigração

Ecoturismo nos EUA é bom negócio para aplicação de Vistos

Cada vez mais pessoas buscam por vistos e Green Card nos Estados Unidos. O que poucos conhecem é que existe uma possibilidade de aplicar os vistos por meio de investimentos em propriedades, fazendas e pecuária, que podem ter um ótimo retorno com um baixo custo, dependendo do capital investido, quando não com o Visto EB-5, o Visto EB-2 é uma ótima opção para iniciar o processo.

Essa ideia ficou mais firme nos meus pensamentos após uma viagem que fiz com meu filho até o Rancho Independence, que fica nas extremidades de Austin, no Texas. É um lugar extremamente agradável, que além de boa comida e hospedagem, traz também o ecoturismo, com a oportunidade de passar tempo ao ar livre com animais selvagens, como búfalos, javalis, antílopes e alces. Outro atrativo interessante é que no rancho é permitida a caça de javalis e eles inclusive incentivam que, ao realizar trilhas, os visitantes levem alguma forma de proteção como repelentes de animais ou até mesmo alguma arma de porte, devido a grande quantidade de animais que podem se tornar territoriais e agressivos. Ao chegar na instalação, é necessário assinar um termo de responsabilidade para que essas situações estejam claras.

Outra grande oportunidade dentro da propriedade foi conhecer os donos do Rancho Independence, que me falaram sobre a história do lugar e como aquilo começou de fato. O proprietário era um empresário bem sucedido em Houston, mas cansou do emprego de consultor em uma multinacional e decidiu comprar o local há 12 anos por um valor razoável de aproximadamente $145 mil dólares e desde então vem anexando terrenos próximos para desenvolver um grande projeto: um super-parque com diversas atividades.

Atualmente, o rancho conta com 30 chalés para hospedagem, com preço médio de $80. Considerando a lotação diária, são aproximadamente $2400.00 por dia, sem contar que também são cobradas as atividades, como a trilha e a caça, que por pessoa custa $149, que pode ser feita por pessoas que não estão hospedadas no local. De quinta à domingo são os dias com mais movimento, mas durante a semana está disponível um clube de tiro instaurado pelos donos do lugar, que possui uma boa movimentação nesses dias.

Vale lembrar que a caça é uma atividade cara: ao matar um porco selvagem, é necessário gastar por volta de $1000 dólares para ter esse animal limpo, cortado, embalado à vácuo e congelado para consumo, e apesar disso, é muito comum nos Estados Unidos.

Essa é uma boa ideia porque, pessoalmente, acredito que o investimento inicial para estruturar todo o Rancho não deve ter chegado próximo a $300 mil. Se considerarmos que há 80 pessoas realizando a caça ou trilhas de quinta a domingo, aproximadamente 1000 vendas deste pacote por $149, o faturamento mensal é de $140 mil por mês. Claro que existem impostos, funcionários etc, pois são necessários para supervisão e atendimento.

O retorno financeiro e a satisfação por fazer algo que realmente gosta é algo muito interessante e agradável. Essa é a principal dica para realizar a aplicação de um desses vistos no país, fazer algo que realmente gosta, pois dessa forma é ainda mais fácil alcançar o sucesso.

*Por Daniel Toledo, advogado especializado em direito Internacional, consultor de negócios internacionais

You cannot copy content of this page