btn facebook  btn youtube  btn twitter  btn google plus  acontece instagram  acontece issuu

 

Acontece Magazine
btn facebook   btn youtube   btn twitter  btn google plus  acontece instagram  acontece issuu
acontece logo darkred

Pandemia deve reconduzir Trump à reeleição

Trump
Trump

Por Carlo Barbieri
20 de julho de 2020

O Presidente dos EUA, Donald Trump tem reafirmado seu discurso nacionalista de campanha pautado no jargão ‘América primeiro’. Nos EUA, diversas ações do Presidente americano estão confirmando o tom nacionalista que Trump adotou em suas políticas públicas durante todo seu mandato. Mais americanos devem aderir à ideia de proteção de empregos, uma prioridade defendida por Trump, o que deve influenciar o voto dos eleitores.

Examinando os resultados econômicos alcançados pelo presidente americano, avalio que a recuperação econômica célere dos EUA pós-pandemia deve servir como mola motriz de sua campanha à reeleição. De modo geral, acredito que o sentimento positivo dos investidores impulsionado pelo aumento recorde na geração líquida de postos de trabalho nos EUA em junho, é um forte sinal de que a recuperação econômica no país está em pleno curso.

A economia norte-americana criou, em termos líquidos, 4,8 milhões de empregos em junho deste ano, de acordo com o Departamento do Trabalho, 1,8 milhão a mais do que o esperado por analistas, e um segundo recorde consecutivo na geração de vagas. Observei que a taxa de desemprego nos Estados Unidos surpreendeu no mês passado, e recuou para 11,1%, segundo dados do Departamento do Trabalho.

Em maio, a taxa de desemprego já havia caído a 13,3%, após atingir em abril o maior patamar pós-Segunda Guerra Mundial (14,7%). Penso que um número cada vez maior de americanos não estará disposto a querer uma mudança política neste momento de crise. Embora não tão popular, os resultados alcançados por Trump em áreas historicamente problemáticas nos EUA deverão pesar em favor à sua reeleição.

A economia dos Estados Unidos criou empregos em ritmo recorde neste momento pós-pandemia. Houve diminuição da recessão e a recuperação rápida já é sentida pelo mercado financeiro. O eleitor americano considerará os resultados de Trump na concretização de suas promessas de campanha e não deverão buscar mudança neste momento em que o país se recupera da pandemia.

Presumo que alguns pontos deverão fazer a diferença no resultado da corrida eleitoral americana este ano. Antes da pandemia o governo americano alcançou a marca histórica do menor desemprego no país em 50 anos, estimado em 3,5% - estado de pleno emprego. E em julho deste ano, o relatório do Departamento de Trabalho dos EUA informou que a criação de vagas de trabalho fora do setor agrícola dos EUA chegou a 4,8 milhões, maior salto desde que o governo começou a manter registros, em 1939.

Essas manobras econômicas adotadas pelo Presidente Trump geraram resultados concretos na vida dos americanos antes e agora no pós-pandemia. Agora, a rápida assistência financeira às empresas e pessoas, além de estímulos para recontratação, estão fazendo as pessoas passarem por esse momento de forma a sentirem-se menos desesperadas e com mais confiança que o Governo conseguirá gerenciar economicamente a crise.

Com discurso de proteção aos empregos para americanos, o Presidente Donald Trump adotou medidas para restringir a emissão de vistos de trabalho a estrangeiros, o que agradou americanos. Dados da Casa Branca, mostraram que entre fevereiro e abril de 2020, mais de 17 milhões de empregos nos Estados Unidos foram cedidos a pessoas que solicitaram vistos H-2B, H-1B e L - usualmente estrangeiros.

Desde o início de seu mandato, o endurecimento das normas imigratórias e tolerância zero para imigração ilegal foi uma das principais metas de Trump. A pandemia facilitou a tomada de decisões concretas para diminuir a imigração ilegal, fomentar a imigração documentada e aumentar a arrecadação do país neste setor. Porém, mesmo com a diminuição da emissão de vistos, o país não deixou de arrecadar.

A barreira burocrática para a tramitação de vistos tem aumentado constantemente desde o início do mandato de Trump e em contrapartida o presidente aumentou os custos do green card para investidores nos EUA como no caso do EB-5, que exigia um investimento de US$ 500 mil (mais de R$ 2,5 milhões e foi reajustado para US$ 900 mil (quase R$ 5 milhões). Além disso houve aumento das taxas de imigração. De modo gera o país está em vantagem.

Foto: Pxfuel

*Carlo Barbieri é analista político e economista. Com mais de 30 anos de experiência nos Estados Unidos, é Presidente do Grupo Oxford, a maior empresa de consultoria brasileira nos EUA. Consultor, jornalista, analista político, palestrante e educador. Formado em Economia e Direito com mais de 60 cursos de especialização no Brasil e no exterior. Mais informações: oxfordusapontocom

 

Pinit Fg En Rect Red 20
e-max.it: your social media marketing partner

Notícias Relacionadas

É hoje! Caetano Veloso fala da expectativa para sua primeira live

Caetano Veloso fala da expectativa para sua primeira live

Live do Caetano será transmitida pelo Globoplay para todo o…
“Labor Day", o Dia do Trabalho nos Estados Unidos

Set/07 - “Labor Day", o Dia do Trabalho nos Estados Unidos

O “Labor Day”, o Dia do Trabalho nos Estados Unidos,…
Inffinito Film Festival apresenta 38 produções nacionais inéditas e clássicas, com transmissão gratuita na plataforma www.inff.online

“Mostra mulheres do audivisual” exibe online 25 longas e 13 curtas

Já está em cartaz, no INFF - Inffinito Film Festival, a…
Cyber Security Summit Brasil 2020

Set/29 - Cyber Security Summit Brasil 2020

Evento criado por brasileiro em Londres ganha alcance…
Está confirmado o Festival de Pompano deste ano, porém sem a presença de Milton Nascimento

A banda Smash Mouth confirma participação no Festival de Pompano deste ano

Pompano Beach, dia 8 de maio de 2020Em nota o organizador…

Videos

CLIQUE NA IMAGEM PARA ABRIR O VÍDEO

 

Karmel Bortoleti

Making of do ensaio fotográfico de Karmel Bortoleti para a editoria fashion da edição de abril de 2017 da Acontece Magazine


Ensaio fotográfico do ator Caio Castro em Miami para a Acontece Magazine de agosto de 2017

Ensaio fotográfico do ator Caio Castro em Miami para a Acontece Magazine de agosto de 2017


Vera Viel posa com tema náutico para a Acontece Magazine em Miami

Vera Viel posa com tema náutico para a Acontece Magazine em Miami


Ensaio Fotográfico

Ensaio fotográfico com as modelos Cate Chant e Flavianny Nassimbeni para a editoria Fashion da edição de maio de 2016 da Acontece Magazine por Gerardo Gomez


Making Of Abril 2016

Ensaio fotográfico com Karmel Bortoleti para a editoria Fashion da edição de abril de 2016 da Acontece Magazine por Gerardo Gomez


Ensaio fotográfico para a editoria Fashion da edição de março

Ensaio fotográfico para a editoria Fashion da edição de março de 2016 da Acontece Magazine por Gerardo Gomez


Acontece Magazine - Making of - Karina Bacchi - March 2016

Acontece Magazine - Making of - Karina Bacchi - March 2016


Ensaio Fotográfico

Ensaio fotográfico para a editoria Fashion da edição de fevereiro de 2016 da Acontece Magazine


Making Of Janeiro 2016

Making of do ensaio fotográfico para a capa e a editoria fashion da edição de janeiro de 2016 da Acontece Magazine com a participação da modelo Andrea Méndes Arroio


Making Of Dezembro

Acontece Magazine Making of de Dezembro 2015




Our website is protected by DMC Firewall!