btn facebook  btn youtube  btn twitter  btn google plus  acontece instagram

 

Acontece Magazine
btn facebook   btn youtube   btn twitter  btn google plus  acontece instagram
acontece logo darkred

Conversa Com Bial

Pedro Bial

O programa ‘Conversa com Bial’ estreia no canal internacional da Globo na próxima terça-feira, 02 de maio, nas Américas, e quarta-feira, dia 03, na Europa, África, Japão e Austrália. O programa tem apresentação de Pedro Bial, com a direção artística de Monica Almeida e com a direção de conteúdo de Ingo Ostrovski, com quem convidamos, a seguir, a um primeiro bate-papo.

Pedro Bial conta mais
Como é o ‘Conversa com o Bial’?
Como é que vai ser o ‘Conversa com Bial’? Ah, eu também quero descobrir a resposta para essa pergunta. E gosto da ideia de ir descobrindo junto ao espectador, fazendo o programa a cada dia. O que a gente quer que o ‘Conversa com Bial’ seja é exatamente o que o nome diz: uma conversa, um lugar onde a gente se encontra. Existe uma diferença entre uma entrevista, que é pergunta e resposta, e uma conversa que a gente vai construindo quase que desinteressadamente, chegando a ideias mesmo que sejam discordantes, mas que sejam férteis para todos os lados.

Como é a dinâmica do programa?
Buscamos um programa que tenha uma dinâmica própria, um pouquinho diferente a cada edição. Em um dia, uma conversa mais longa com um convidado só. Em outro, com várias pessoas numa espécie de debate. Os temas vão escalar os participantes para a conversa. Também queremos que sempre tenha uma pegada de humor, tão necessário. A ideia é que a dinâmica funcione de forma a levar relevância ao que aparentemente é apenas leve e vice-versa. Assim, as ideias vão circulando prazerosamente.

Como será feita a escolha dos temas e dos convidados?
Basicamente, a gente reflete e reage aos assuntos que nos mobilizam no dia a dia. Não apenas o que sai na imprensa. É claro, também vamos atrás do que é publicado, do que está na internet, mas também o que ainda não foi dito, o que a gente ainda não sabe. Serão as coisas que estão próximas no nosso dia a dia e que fazem diferença na nossa vida, que vão nos fazer mais felizes ou menos felizes a partir da nossa relação com elas. A gente quer isso: o que está perto de nós e do espectador que é fundamental para que a gente leve a vida adiante? Onde as coisas estiverem meio paralisadas, a gente gostaria de ser um suave e bem vindo sacode para as coisas entrarem em movimento. Onde as coisas estão muito conturbadas, a gente gostaria de vir com um pouco de serenidade. Com essa dialética, as dinâmicas vão acontecendo.

Hoje, há muitos temas em discussão na sociedade de maneira geral. Isso vai ser debatido no programa? Como?
A gente tem a ambição de trazer os debates e as discussões que estão por aí, pelo Brasil, pelo mundo, na internet, no botequim, na escola, na universidade. O que nós talvez podemos propiciar ao debate, a essa polarização, é mostrar que temos muito mais em comum com quem pensa diferente do que podemos imaginar. É uma falta de conhecimento do outro e uma falta, às vezes, de autoconhecimento. Espero que a gente consiga prestar esse serviço – ele se dá na televisão, esse meio que é totalmente público e, ao mesmo tempo, muito íntimo, ainda mais tarde da noite, quando as pessoas estão numa frequência emocional e estado de espírito mais receptivos.

O programa terá reportagens?
Não daria esse nome de “reportagem”, a gente vai para a rua. A gente trata de assuntos que pertencem ao universo jornalístico, mas nossa abordagem desses assuntos não é necessariamente jornalística, apesar de eu ser jornalista.

Como é o processo criativo do programa?
Começamos há alguns meses, pensando no que íamos fazer. Tínhamos o talk show, que é um formato consagrado no mundo todo, e pensamos em como poderíamos usar todas as variações desse gênero para botar as ideias em movimento e discussão. Pra isso, formamos uma equipe que é uma mistura esperta e inspiradora de muitos jovens e muita gente que nunca tinha feito televisão, trazendo um olhar fresco. E eu represento aqui, orgulhosamente, os mais velhos, com mais experiência, com amor e paixão pela televisão e pelas novas ideias. A gente vai testando e pensando nos temas juntos, inclusive em formas inusitadas e inéditas de abordá-los.

O que o público pode esperar do programa?
Um momento reconfortante, de bom humor, para assistir e testemunhar conversas que vão acrescentar. Um espaço que vai trazer assuntos para conversas no dia seguinte, no trabalho, no ônibus, na escola, em casa.

Está ansioso para a estreia?
Ansioso? Imagina... Eu? Ansioso? Para a estreia? Imagina. Próxima pergunta! (risos)

Sobre o Programa
Conversa – substantivo feminino. Troca de ideias ou de opiniões entre duas ou mais pessoas; bate-papo, conversação, diálogo.
Com – preposição. Entre outros usos, entra na formação de adjuntos circunstanciais que indicam companhia, ajuntamento.
Bial – sobrenome de origem lituana. Teria chegado ao Brasil por meio de uma família alemã. Seu representante mais famoso no país é Pedro, jornalista, escritor, poeta, cineasta e apresentador.
A junção dos três termos já prenuncia o objetivo do novo programa da Globo: um espaço aberto para o diálogo, para os encontros, para a descoberta de diferentes visões de mundo, para ouvir e ser ouvido. E liderado por Pedro Bial, que traz o que o talk show tem em sua essência: um palco para múltiplas falas, opiniões, repercussão... um palco para conversas. “As conversas nos levam muitas vezes para caminhos inesperados quando a gente se encontra com alguém”, opina o apresentador.
Exibido de segunda a sexta, o ‘Conversa com Bial’ vai reunir, em um só lugar, assuntos que possam ser relevantes ao espectador independentemente da forma como eles serão apresentados. Quando couber um debate, Bial fará as vezes de mediador, mas, na presença de um único convidado, será mais do que um entrevistador, tornando-se parte de um diálogo maior. Quando a relevância se fizer presente fora dos limites do estúdio, o apresentador dá espaço ao repórter, que sairá em busca de um papo interessante em lugares variados, refletindo sobre a notícia, em vez de reagir sobre ela.
A atração contará com um time de colunistas de diversos segmentos – o escritor Sérgio Rodrigues, a cantora Karol Conká, o historiador Eduardo Bueno e o economista José Márcio Camargo, entre outros – para participarem do programa sempre que o assunto em pauta estiver relacionado às suas áreas de conhecimento. Eles podem sentar no sofá com o entrevistado do dia e fazer um complemento ao papo, assim como fazer uma exposição final sobre o tema do programa.
Para inserir uma pitada de humor, o ‘Conversa com Bial’ contará com o roteirista Renato Terra e integrantes do Sensacionalista para comentar os assuntos da atualidade. Sempre que o momento pedir, o programa contará com o trabalho dos humoristas no palco ou fora dele.
A conversa, por vezes, ganhará melodia. Uma banda de cinco músicos de São Paulo, reunidos pela primeira vez, estará no palco para também receber artistas convidados – não necessariamente cantores, mas todos os que se animarem a soltar a voz ou tocar um instrumento - para apresentações musicais, uma das características marcantes do gênero talk show.
Para acompanhar as linhas de raciocínio da conversa, o cenógrafo Milton Di Biasi foi buscar no modernismo e nas obras de Oscar Niemeyer as referências para o cenário do programa: “O que dentro do adjetivo moderno tem lá dentro? A sinuosidade. Como a conversa flui, o cenário não poderia ser uma reta, ele dá voltas assim como o pensamento, que é ondulante, cheio de curvas”. Apesar de amplo, para contemplar todas as necessidades editoriais do programa, foi criada uma sensação de aconchego e informalidade graças ao uso de madeira em quase todo o espaço. Os painéis de LED surgem como uma tela em branco para a sobreposição de imagens que mudam sempre que a conversa pedir.
Texto: Thaís Pinheiro
Crédito: Globo/Ramón Vasconcelos

 

e-max.it: your social media marketing partner

Notícias Relacionadas

Consulado Itinerante em Orlando

19 de Agosto: Consulado itinerante em Pompano Beach

O Consulado-Geral realizará Missão Itinerante no dia 19 de…
Health Coach em Miami

24 de agosto: Health Coach em Miami

Dois Cearenses se juntaram para revolucionar o mercado de…
Premios Tu Mundo

24 de agosto: Premiação anual “Premios Tu Mundo”

A premiação anual “Premios Tu Mundo” organizada pelo canal…
Maiara & Maraisa

25 de agosto: Show de Maiara & Maraisa

A dupla sertaneja Maiara & Maraisa, uma das mais badaladas…

Videos

CLIQUE NA IMAGEM PARA ABRIR O VÍDEO

 

Ensaio fotográfico do ator Caio Castro em Miami para a Acontece Magazine de agosto de 2017

Ensaio fotográfico do ator Caio Castro em Miami para a Acontece Magazine de agosto de 2017


Vera Viel posa com tema náutico para a Acontece Magazine em Miami

Vera Viel posa com tema náutico para a Acontece Magazine em Miami


Ensaio Fotográfico

Ensaio fotográfico com as modelos Cate Chant e Flavianny Nassimbeni para a editoria Fashion da edição de maio de 2016 da Acontece Magazine por Gerardo Gomez


Making Of Abril 2016

Ensaio fotográfico com Karmel Bortoleti para a editoria Fashion da edição de abril de 2016 da Acontece Magazine por Gerardo Gomez


Ensaio fotográfico para a editoria Fashion da edição de março

Ensaio fotográfico para a editoria Fashion da edição de março de 2016 da Acontece Magazine por Gerardo Gomez


Acontece Magazine - Making of - Karina Bacchi - March 2016

Acontece Magazine - Making of - Karina Bacchi - March 2016


Ensaio Fotográfico

Ensaio fotográfico para a editoria Fashion da edição de fevereiro de 2016 da Acontece Magazine


Making Of Janeiro 2016

Making of do ensaio fotográfico para a capa e a editoria fashion da edição de janeiro de 2016 da Acontece Magazine com a participação da modelo Andrea Méndes Arroio


Making Of Dezembro

Acontece Magazine Making of de Dezembro 2015




DMC Firewall is developed by Dean Marshall Consultancy Ltd