btn facebook  btn youtube  btn twitter  btn google plus  acontece instagram

 

Acontece Magazine
btn facebook   btn youtube   btn twitter  btn google plus  acontece instagram
acontece logo darkred

Brasil terá pavilhão especial na Miami Art Week

Nina Torres, fundadora e diretora do Miami River Art Fair
Nina Torres, fundadora e diretora do Miami River Art Fair

A cidade que respira arte está se preparando para receber o Miami Art Week, evento que acontece na primeira semana de dezembro e reúne mais de 20 diferentes festivais em três áreas de Miami: Wynwood, Downtown e Miami Beach. A semana é uma vitrine da arte mundial com a famosa Art Basel, as paredes grafitadas de Wynwood e o Miami River Art Fair, que está em sua quinta edição e traz a novidade do pavilhão Brasil com o Espaço Acontece, com curadoria da Saint Paul Gallery, no Miami Convention Center que fica junto ao Hyatt hotel em Downtown Miami.

O “Espaço Acontece By San Paul Gallery” estará localizado no salão principal, bem na entrada da feira, funcionando como um pavilhão dedicado aos artistas brasileiros. O Miami River Art Fair é uma feira internacional e exclusiva, em estilo “art boutique”, que reúne colecionadores, galerias e amantes da arte de todo o mundo. Ele será realizado de 1 a 4 de dezembro, durante a Art Basel. A feira é uma vitrine do trabalho de diversos artistas renomados, famosas galerias de arte e projetos internacionais. A curadora mexicana Nina Torres é fundadora e diretora geral da Miami River Art Fair e participa ativamente do cenário artístico internacional há mais de 20 anos. Nina é especializada em arte contemporânea da América Latina e em arte mexicana, atuando como curadora de mais de 300 exposições ao redor do mundo. A Acontece Magazine entrevistou a curadora, que falou sobre a feira. Confira.
Nina, como nasceu a ideia do Miami River Art Fair e como é o seu trabalho à frente do evento?
Ser diretora e fundadora do Miami River Art Fair é um grande projeto, que nasce de uma investigação do que existia em Miami e o que faltava no cenário artístico. Na época, a escolha por Downtown se deu porque ainda não havia nenhuma feira de arte e nenhuma galeria na área. Começamos com uma equipe de seis pessoas, entre designers, fotógrafos, arquitetos, publicitários e profissionais que falam diversos idiomas, e criamos toda a logística para dar vida a um grande espaço de 40 mil pés quadrados. Pessoas com experiência em feiras de arte, em montar toda uma estrutura para um evento como esse, que requer seguros de até US$ 15 milhões. Além do nosso web designer, que criou o nosso website. Começamos do zero toda a estrutura da feira, como o contato com as galerias, os artistas, e o mais importante, que foi montar um comitê de seleção que pudesse garantir a qualidade do evento em sua primeira edição e construir a credibilidade que necessitávamos. Um evento que pudesse concorrer com as outras feiras de arte que existiam há muitos anos no mercado.
Qual foi o seu maior objetivo ao trazer essa feira de artes para Miami?
O meu desejo era que a Miami River Art Fair se tornasse uma feira exclusiva que não pudesse ser comparada a nenhuma outra feira local. Queríamos que, dos visitantes aos expositores, todos estivessem completamente satisfeitos. Fizemos um trabalho de divulgação da feira em mídias do mundo todo, as mais importantes revistas de Miami e publicações em diversos lugares do mundo. Tudo isso deu ao Miami River Art Fair um importante respeito no cenário artístico mundial. Temos consultores de arte ao redor do mundo que fazem as seleções dos artistas e galerias participantes. Temos também uma curadora que cuida do pavilhão internacional para artistas que não têm representações de outra galeria no exterior e são selecionados para participar da feira.
O Miami River Art Fair está na sua 5a edição este ano. Como foi o início desse trabalho e o que mudou desde o primeiro ano?
No primeiro ano superamos todas as nossas expectativas, tivemos a parceria com a Feira de Mônaco, que nos ajudou a entrar no mercado. Sempre tentamos trazer algo novo. Desde o primeiro ano, focávamos na arte contemporânea, e no ano passado a galeria de Nina Torres apresentou um booth com grandes professores mexicanos que nenhuma outra feira havia trazido. Este ano novamente trabalhamos muito para trazer ainda mais novidades.
Como está a expectativa para o Miami River Art Fair 2016?
Este ano teremos a grande surpresa de ter pavilhões curados, como o do Brasil (com 15 artistas brasileiros), outro espanhol (com mais 15 artistas) e um booth muito especial que vai marcar a feira esse ano, e que é o booth de arte colonial. Temos uma curadora que vai trazer as leituras de arte colonial, algo inédito em Miami. Outra novidade é uma apresentação de uma exposição dos anos 50 e o trailer de um filme produzido em Hollywood, com a presença do produtor do filme. Teremos pinturas, esculturas monumentais, cinema, coleções inéditas de artistas muito especiais —como uma coleção da filha de Picasso, outra coleção da Universidade de Mont Clair inédita­— e todo tipo de manifestação artística e isso vai dar todo um peso a todos os anos anteriores. E para fechar com chave de ouro, a apresentação do Miami Art Street, com a direção do diretor de orquestras mais jovem do mundo, que é mexicano em um grande baile black tie.
Como é o processo de logística para atender tantos artistas e convidados da feira numa cidade como Miami?
Estamos trabalhando com uma empresa especializada para apoiar e fazer essa logística para os expositores e visitantes, principalmente os que vêm do exterior. Um trabalho complexo para facilitar a presença deles, inclusive no transporte até a feira, porque a cidade fica muito agitada nesta semana. Queremos superar todas as dificuldades de acesso, em todos os aspectos. Queremos disponibilizar transporte terrestre ou pela baía, através de iates e até de helicópteros.
Como são escolhidos os artistas que participarão da feira?
A seleção dos artistas depende basicamente das galerias e dos curadores, sempre passando pelo comitê de seleção. Eu sempre viajo pelo mundo buscando artistas, projetos diferentes e únicos que agreguem valor ao nosso evento. Este ano, há muitos artistas especiais vindo para cá, inclusive um artista convidado que vai mostrar uma retrospectiva de uma galeria que já existe há 35 anos. Outro artista único também que vamos mostrar traz a união da fotografia com a iluminação e a gastronomia.
Como um artista brasileiro pode se inscrever para participar?
Este ano teremos um booth curado do Brasil, graças à iniciativa da Acontece Magazine. Vamos apresentar 15 artistas brasileiros, com a participação de artistas plásticos, fotógrafos, escultores… Estamos esperando muito desses 15 artistas brasileiros. Contato: Raffael Ramos 305-515-0175
Serviço:
Pavilhão Brasil na Miami River Art Fair na Semana de Arte de Miami e Art Basel
Quando: de 1 a 4 de dezembro de 2016
Onde: Miami Convention Center | James L. Knight International Center | Downtown-Brickell Area (1901 Convention Center Dr, Miami Beach).
Mais informações em miamiriverartfair.com
Expositores interessados procurar Raffael Ramos:
ou 305-515-0175

Por Connie Rocha

O Miami Convention Center fica próximo ao Miami River em Downtown Miami ao lado do Hyatt Hotel
O Miami Convention Center fica próximo ao Miami River em Downtown Miami ao lado do Hyatt Hotel

 

e-max.it: your social media marketing partner

Notícias Relacionadas

Eventos

Abril   2017
D S T Q Q S S
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30            

Videos

CLIQUE NA IMAGEM PARA ABRIR O VÍDEO

Vera Viel posa com tema náutico para a Acontece Magazine em Miami

Vera Viel posa com tema náutico para a Acontece Magazine em Miami


Ensaio Fotográfico

Ensaio fotográfico com as modelos Cate Chant e Flavianny Nassimbeni para a editoria Fashion da edição de maio de 2016 da Acontece Magazine por Gerardo Gomez


Making Of Abril 2016

Ensaio fotográfico com Karmel Bortoleti para a editoria Fashion da edição de abril de 2016 da Acontece Magazine por Gerardo Gomez


Ensaio fotográfico para a editoria Fashion da edição de março

Ensaio fotográfico para a editoria Fashion da edição de março de 2016 da Acontece Magazine por Gerardo Gomez

Acontece Magazine - Making of - Karina Bacchi - March 2016

Acontece Magazine - Making of - Karina Bacchi - March 2016

Ensaio Fotográfico

Ensaio fotográfico para a editoria Fashion da edição de fevereiro de 2016 da Acontece Magazine

Making Of Janeiro 2016

Making of do ensaio fotográfico para a capa e a editoria fashion da edição de janeiro de 2016 da Acontece Magazine com a participação da modelo Andrea Méndes Arroio

Making Of Dezembro

Acontece Magazine Making of de Dezembro 2015


DMC Firewall is a Joomla Security extension!